PublicidadePublicidade

RedeTV! é condenada a pagar indenização a mulher após pegadinha em trem

Folhapress Folhapress -
PublicidadePublicidade

A Vara Cível de Osasco, em primeira instância, condenou a RedeTV! a pagar uma indenização no valor de R$ 7.500 a uma mulher que entrou na Justiça após cair em uma pegadinha do programa Encrenca em um trem. Ela alega não ter dado autorização para que sua imagem fosse veiculada.

A brincadeira dentro de um vagão de trem da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) foi ao ar em setembro de 2020 no humorístico. A princípio, Lucilene de Sousa Silva Godoy Benedicto queria receber em torno de 40 salários mínimos na ação.

Porém, o juiz Paulo de Abreu Lorenzino entendeu que o valor deveria ser de R$ 7.500 corrigidos monetariamente. Na brincadeira em questão, um rapaz deitava a cabeça nos ombros da mulher e fingia dormir após um dia estressante de trabalho.

PublicidadePublicidade

A autora da ação afirma nos autos que se sentiu incomodada e exposta com a brincadeira. Ela revela que teve medo de se tratar de um possível assédio. Após não autorizar o uso das imagens, diz ter ficado surpreendida com a exibição do material na TV.

Procurada, a assessoria de imprensa da RedeTV! afirma que a emissora não comenta processos judiciais em andamento.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade