PublicidadePublicidade

‘Amigos da pesca’ se dão muito mal ao serem flagrados pela PRF em Anápolis

Dupla, que não teve a identidade revelada, foi encaminhada à Central de Flagrantes

Da Redação Da Redação -
Pesca predatória configura crime ambiental com implicações legais seríssimas, como prisão e multa. (Foto: Divulgação/ PRF)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) conseguiu fazer uma grande apreensão de pescados irregulares na BR-414, na noite de quarta-feira (05), em Anápolis.

Conforme a corporação, as espécies são provenientes de ao menos quatro rios do estado e o transporte desses animais não pode ser feito como foi percebido no momento da abordagem.

A PRF também chamou a atenção para os instrumentos encontrados no veículo – como redes, arpões, equipamentos de mergulho, além de muitas varas e molinetes.

PublicidadePublicidade

Os objetos caracterizam pesca predatória, que no Brasil é considerado crime e tem sérias implicações legais.

A dupla, que não teve a identidade revelada, foi encaminhada à Central de Flagrantes da Polícia Civil.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade