PublicidadePublicidade

Em Anápolis, Bolsonaro diz que eleições foram fraudadas: “Eu tenho prova disso”

Presidente também defendeu remédios sem eficácia comprovada contra a Covid-19 e criticou medidas de isolamento social

Denilson Boaventura Denilson Boaventura -
(Foto: Reprodução)

Em discurso na Church in Connection nesta quarta-feira (09), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que houve fraude nas eleições de 2018 e que venceu em primeiro turno. “Eu tenho prova disso”, ressaltou, mas sem apresentar

Bolsonaro veio até Anápolis para receber homenagem da igreja e participar de reunião com líderes religiosos, políticos e empresários no templo da congregação.

O encontro foi organizado pelo deputado federal Major Victor Hugo (PSL) e visa fortalecer a imagem do parlamentar na cidade para o pleito do próximo ano.

PublicidadePublicidade

O presidente também falou no púlpito da Church in Connection a respeito da pandemia e conspirou sobre a origem do novo coronavírus.

“Não tenho provas, mas sabemos que esse vírus nasceu de um animal ou foi fabricado em algum laboratório”, destacou, defendendo em seguida remédios sem eficácia comprovada para combater a Covid-19.

“Tomei hidroxicloroquina e estou aqui. Querem prova maior que isso?”, declarou, sendo ovacionado após instigar e  ouvir manifestações de membros que também haviam utilizado o medicamento no tratamento da doença.

Bolsonaro voltou ainda a criticar medidas de isolamento social e citar um suposto relatório do Tribunal de Contas da União (TCU), que mostra que cerca de metade dos óbitos registrados como Covid-19 não seriam causados pela doença.

“Sem dúvidas há uma supernotificação”, disse. O tribunal, no entanto, já desmentiu a existência deste documento e abriu sindicância para apurar a origem desta informação.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade