PublicidadePublicidade

Homem perde herança da 1ª esposa por quebrar promessa de não se casar novamente

Em sua defesa, o homem alegava que a segunda esposa seria, na verdade, a sua prima

Folhapress Folhapress -
(Foto: Reprodução)

Um homem terá de devolver aos cunhados todos os bens que herdou da primeira esposa, morta em 1996, por viver com uma outra mulher por mais de 25 anos. Segundo reportagem do El País, a primeira mulher, em testamento feito em 1975, determinou que o marido só receberia a sua herança se ele não se casasse novamente após a morte dela.

Os juízes da cidade Coruña, na Espanha, entenderam que, embora o homem não tenha se casado legalmente, ele violou a condição estabelecida no testamento por viver um casamento na prática, já que morou com outra mulher por muitos anos. Cabe recurso.

Segundo os magistrados, o depoimento de testemunhas e relatórios da polícia local comprovaram que o homem viveu com a segunda mulher desde o final dos anos 1980 até a morte dela, em 2016. “Ambos se comportavam socialmente como um casal”, diz trecho da decisão judicial.

PublicidadePublicidade

Em sua defesa, o homem alegava que a segunda esposa seria, na verdade, a sua prima. Testemunhas apresentadas por ele reconheceram que de fato o homem passava longos períodos na casa desta mulher, mas disseram que isso acontecia por eles serem primos. No entanto, esse vínculo familiar nunca foi demonstrado, de acordo com os juízes.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade