PublicidadePublicidade

Mega operação interdita casa de recuperação em Anápolis e resgata internos ‘sequestrados’

Os dois responsáveis pelo local foram presos e no local também foram encontrados indícios de maus-tratos contra animais

Da Redação Da Redação -
(Foto: Divulgação / Polícia Civil)

A Polícia Civil realizou uma operação nesta quinta-feira (17) para cumprir um mandado de busca e apreensão na Clínica Valor Vida (Sunrise Hotel e Spa Assistido), localizada na GO-330, na zona rural de Anápolis.

Também participaram da ação policiais militares, Ministério Público, Secretaria Municipal de Integração Social, Gerência de Saúde Mental,, Conselho Regional de Psicologia e Vigilância Sanitária Municipal.

As investigações apontaram que os pacientes da clínica estariam sendo internados involuntariamente e sofrendo ameaças com armas de fogo.

PublicidadePublicidade

Nas buscas, foram encontrados no quarto do diretor comercial da clínica uma espingarda de pressão, um taco de baseball, um taser (choque elétrico) e uma pistola de air soft.

Na área em que o homem vive também haviam dois filhotes da raça pit bull acomodados em espaço inadequado. Outros dois canis ficava ao lado com dois cães da mesma raça, de porte médio, com orelhas cortadas e água suja.

Já no escritório do proprietário da clínica foram encontrados 08 cartuchos de munições de armas. O diretor alega que foi deixado lá por internos.

Equipes foram chamadas para averiguar os maus-tratos aos animais e, na inspeção, ficou constatada também as irregularidades sanitárias, como remédios vencidos e receitas prescritas irregularmente.

Toda documentação envolvendo os contratos e fichas de avaliação dos pacientes foram recolhidos  para abertura de um procedimento administrativo na Vigilância Sanitária.

A clínica foi interditada e todos os internos precisaram ser retirados de lá e acolhidos pela equipe de assistência social do município.

O diretor da clínica deve responder por maus-tratos aos animais, sequestro e posse irregular de arma de fogo. Já o proprietário poderá ser autuado por sequestro. Consta no site do Projudi, o sistema do Tribunal de Justiça de Goiás, que os dois estão presos.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade