PublicidadePublicidade

‘Policial federal e filho de juíza’, homem sai algemado de tradicional bar do Jundiaí

Proprietário do estabelecimento precisou acionar a PM após perceber que cliente estava dando trabalho

Da Redação Da Redação -
(Foto: Divulgação/ PMGO)

Quem passou pela Avenida São Francisco, a mais badalada do Jundiaí, bairro da região Central de Anápolis, na madrugada desta sexta-feira (13), presenciou um homem, de 32 anos, sendo detido em um tradicional bar.

Quem acionou a corporação foi o proprietário do estabelecimento, que contou que havia um cliente se dizendo policial federal, ostentando um brasão no pescoço e intimidando uma mulher, mostrando uma arma de fogo na cintura.

Quando os agentes chegaram, tiveram de usar força física e algemas para imobilizar o homem, que mentiu o próprio nome e teria tentado todo o tempo se afastar da abordagem.

PublicidadePublicidade

Neste momento, o suspeito ainda teria dito que era filho de uma juíza da cidade e, por isso, era errado que os policiais o algemassem e o levassem para delegacia.

Junto do homem estavam R$ 64 em espécie, cartões, documentos e um outro cartão com o nome que ele fingiu ser dele.

(Foto: Reprodução)

Por fim, a identificação do envolvido foi devidamente feita e ficou constatado que a arma que carregava era de Airsoft.

O caso foi registrado na Central de Flagrantes como ameaça, desacato e resistência.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade