PublicidadePublicidade

Plantado em Anápolis, pequi sem espinhos está perto de ganhar o coração dos goianos

Expectativa é colher 15 mil frutos nos próximos meses e até o governador Ronaldo Caiado já comemorou a notícia

Caio Henrique -
Arroz com pequi, prato clássico da culinária goiana. (Foto: Reprodução)

Desde 2016, a unidade da Estação Experimental da Emater, em Anápolis, conduz estudos e pesquisas para o aperfeiçoamento genético e a possibilidade de se criar um pequi sem espinho.

E os frutos de todo este esforço e pesquisa estão prestes a serem colhidos, literalmente.

Isso porque a previsão é de que a partir de novembro deste ano, em dois meses, 15 mil frutos sejam colhidos no município.

(Foto: Divulgação)

A iniciativa caminha para os passos finais e já vê sinais de melhora, com o aumento da parte carnosa do pequi e a diminuição da casca e dos espinhos.

Outra expectativa é de que, em breve, produtores do estado recebam mudas do fruto para dar sequência ao plantio do material em Goiás.

A novidade foi comemorada, inclusive, pelo governador Ronaldo Caiado.

“Eu sou suspeito pra falar, se o pequi já é bom com espinho, imagina sem. Dá até água na boca só de pensar”, publicou o chefe do Executivo Estadual.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade