PublicidadePublicidade

Mãe mata o próprio filho e deixa o corpo escondido por meses dentro do porta-malas do carro

Criança tinha apenas cinco anos e o cadáver foi achado pela polícia

Gabriella Pinheiro -
Acusada confessou o crime a autoridades e sentença ocorre no dia 7 de dezembro (Foto: Reprodução/ Site Nova Mulher)

A norte americana Sagal Hussein de 26 anos foi presa acusada de matar próprio filho e esconder o corpo durante meses dentro do porta-malas de um carro em condado de Brown, localizado no estado de Wisconsin nos Estados Unidos.

A criança tinha apenas cinco anos de idade e foi vista pela última vez  no dia 25 de novembro de 2019. Segundo as autoridades locais, as investigações começaram após o vizinho da mulher afirmar que ela deixava outros dois filhos do lado de fora da casa sem nenhuma supervisão.

Ao ser questionada sobre onde estava o terceiro filho, ela afirmou que ele havia viajado com o pai para outro estado, fato que os investigadores não conseguiram confirmar.

O cadáver só foi encontrado pela polícia do condado no dia 30 de março de 2020, ou seja, quatro meses após o desaparecimento do menino.

Por se declarar culpada pelo crime, os promotores  liberaram a mãe de outras cinco acusações em troca do  depoimento.

A sentença de Sagal está prevista para sair no dia 07 de dezembro.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.