PublicidadePublicidade

Goiás pode virar a próxima sede do maior evento de tecnologia do mundo

Estado enfrenta a concorrência de Rio de Janeiro, Porto Alegre e Brasília. Atração reúne cerca de 40 mil pessoas

Pedro Hara -
Goiás pode se tornar a 1ª sede do evento na América Latina (Foto: Divulgação)

Maior evento de tecnologia do mundo, o Web Summit pode ser sediado em Goiás nos próximos anos. Para que isso aconteça, uma comitiva com quase 50 participantes está em Lisboa (Portugal), onde a conferência está sendo realizada. O grupo permanece em solo português até o dia 06 deste mês.

Encabeçado pelo Sebrae Goiás, a equipe que viajou a Europa conta com representantes de entidades como a Acieg, Senar/Faeg, Fecomércio e Universidade Federal de Goiás (UFG). O objetivo é tornar o Estado a 1ª sede do Web Summit na América Latina no próximo ano.

Para viabilizar a realização do evento em Goiânia, o secretário-geral de Governo, Adriano da Rocha Lima, tem reuniões marcadas com o CEO do Web Summit Portugal, Artur Alves Pereira, junto ao filho do presidente de Portugal, Nuno Rebelo de Sousa.

PublicidadePublicidade

Concorrência

Entretanto, a missão de sediar o evento será bastante disputada. Além de Goiânia, as cidades do Rio de Janeiro, Porto Alegre (RS) e Brasília (DF) estão no páreo.

Apesar da concorrência que enfrenta, Goiás conta com duas cartas na manga para receber a Web Summit de acordo com Adriano da Rocha Lima: “o primeiro Centro de Excelência em Inteligência Artificial (Ceia) da América Latina e o primeiro curso de Inteligência Artifical do país, oferecido pela Universidade Federal de Goiás”.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.