Caiado sanciona bolsa de R$ 100 para estudantes e distribuição gratuita de absorventes

“Não são programas com duração por tempo limitado, serão durante todo o tempo do meu mandato”, destacou

Karina Ribeiro -
Governador Ronaldo Caiado (DEM) sanciona leis de cunho social. (Foto: Divulgação/Governo do Estado)

Duas leis voltadas para programas sociais foram sancionadas nesta terça-feira (16)  pelo governador Ronaldo Caiado (DEM): Bolsa Estudo e Dignidade Menstrual.

Ambas são de autoria do governo e foram aprovadas unanimamente pela Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego).

O Programa Goiano de Dignidade Menstrual pretende atender 146 mil mulheres a partir do fornecimento de absorventes àquelas que estejam na rede pública de ensino ou às que estiverem cumprindo quaisquer medidas de privação de liberdade.

Um pouco mais robusto, o Bolsa Estudo vai alcançar cada um dos 200 mil alunos inscritos no ensino médio da rede estadual de ensino. O valor mensal é de R$ 100 mil.

Para Caiado, essa é uma forma de atacar a evasão escolar. “Termina-se o ensino médio, os jovens não continuam os estudos. Então, esse projeto, que teve repercussão nacional, será uma ferramenta extremamente importante no sentido de fazer o estudante permanecer nos estudos no ensino médio”, salientou.

Caiado reforçou que esses não serão programas temporários. “Não são programas com duração por tempo limitado, serão durante todo o tempo do meu mandato”, enfatizou.

 

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.