PublicidadePublicidade

Investigação sobre morte de homem eletrocutado enquanto limpava vidros já começou

Polícia Civil requereu laudos periciais e todos que presenciaram o fato também deverão prestar depoimento

Karina Ribeiro -
Fachada prédio onde ocorreu o incidente no Jardim Goiás. (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Um incidente brutal está sendo investigado pela Polícia Civil em Goiânia. Anderson Santos Gama Silva, de 30 anos, morreu, na tarde desta terça-feira (16), enquanto fazia a limpeza de vidros no andar térreo em um prédio localizado em frente ao Parque Flamboyant, no Setor Jardim Goiás.

Conforme o relato de testemunhas, ele, que trabalhava para uma empresa terceirizada, teria levado um choque ao encostar o rodo no fio de alta tensão.

Conforme nota enviada à imprensa pela Polícia Civil, as investigações permanecem em fase inicial e já foram requisitados os laudos periciais. Todos que presenciaram o fato também deverão prestar depoimento.

PublicidadePublicidade

Serão ouvidos ainda os responsáveis pelo condomínio e pela empresa de manutenção, a fim de apurar as circunstâncias do acidente.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o homem foi encontrado com diversos ferimentos e morreu no local.

A Polícia Militar esteve no local para fazer o isolamento da área e o corpo do trabalhador foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.