Parto induzido na Santa Casa de Anápolis vira caso de polícia

Procedimento feito pelo Serviço de Verificação de Óbito colocou em dúvida a morte do feto antes do parto

Denilson Boaventura -
Santa Casa de Anápolis. (Foto: Divulgação)

Um parto induzido realizado nesta sexta-feira (03) na Santa Casa de Anápolis virou caso de polícia.

Do tipo normal, ele foi realizado em uma gestante de pouco mais de 25 semanas que havia se internado na unidade de saúde na última quita-feira (02).

Durante a estadia na Santa Casa, uma ultrassonografia na paciente teria apontado o óbito fetal do bebê em gestação. Uma clínica particular contratada também deu o mesmo diagnóstico.

PublicidadePublicidade

E o Portal 6 apurou com fontes da unidade de saúde que foi por isso que a autorização para o parto induzido da gestante ocorreu.

Entretanto, após a realização, um procedimento feito pelo Serviço de Verificação de Óbito (SVO) colocou em dúvida a morte do feto antes do parto.

Exames periciais foram solicitados e o caso deverá ser investigado pelo 3º DP, que abrange a região onde fica a Santa Casa.

Procurada pelo Portal 6, a assessoria de imprensa da unidade de saúde informou que a diretoria deve emitir uma nota oficial sobre o episódio neste sábado (04).

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.