Comece 2022 com essas chaves para a sua virada de vida

José Fernandes -
(Foto: Arquivo Pessoal)

Poderia nesse espaço fazer uma retrospectiva 2021 ou agradecer pelas conquistas, mas quero nesse último artigo do ano trazer uma reflexão que impactou minha vida e pode impactar a sua.

Ainda há esperança! Enquanto há vida, há esperança. Logo, ela não é a última que morre. Esperança em que? Em quem?

O meu celular estragou há dois dias. Como é angustiante não estar conectado. Percebi na prática como os olhos e os ouvidos são a porta de entrada da nossa alma, e formata nossas memórias.

Por que digo isso? Para enfatizar o recado: cuidado com que você vê ou escuta.

Quando nossos olhos estão focados na luz, as sombras do passado ficam para trás. A dor da morte, a dor da perda, o fim do relacionamento, a quebra financeira… Não nos distraímos com ladrões de alegria.

Não acreditem que governos vão mudar nossa cidade, estado e país. Toda crise na história da humanidade veio seguida de abundância. O coronavírus está aí, e eu creio que teremos dias melhores. A história assim nos ensina.

Se você tiver 1% de chance, tenha 99% de esperança. Se você tiver 0% de chance, tenha 100% de fé.

Esperança e fé em que? Em quem?

Feliz Ano Novo!

José Fernandes é médico (ortopedista e legista) e bacharel em direito. Atualmente vereador em Anápolis pelo PSB. Escreve todas às sextas-feiras. Siga-o no Instagram.

As ideias e opiniões expressas no artigo são de exclusiva responsabilidade do autor, não refletindo, necessariamente, as visões do Portal 6.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.