Está preso o cliente que fingiu passar mal para não pagar conta de R$ 6 mil em bar de Goiânia

Ele, que é suspeito de aplicar golpes pelo país, chegou ao estabelecimento com amigo e diversas mulheres

Da Redação -
Ruan Pamponet Costa, preso em bar de Goiânia, teria histórico de supostos golpes ao redor do Brasil. (Foto: Reprodução).

Um homem foi preso em flagrante neste sábado (16), em Goiânia, suspeito de ter fingido passar mal para sair de um bar sem pagar uma conta de mais de R$6 mil.

O episódio ocorreu em um estabelecimento do Setor Marista, bairro nobre da capital. À polícia, o gerente do local afirmou que o cliente, identificado como Ruan Pamponet Costa, chegou acompanhado por um amigo e diversas mulheres.

Assim, o grupo teria consumido várias bebidas e refeições, totalizando uma quantia de R$ 6.275. No entanto, na hora de pagar a conta, as pessoas que acompanhavam o investigado já tinham ido embora e coube a ele arcar com os custos.

Grupo teria totalizado mais de R$6,2 mil em consumo. (Foto: Reprodução).

Ainda conforme o gerente, Ruan teria se levantado para ir embora do bar, alegando estar passando mal. O que ele não contava é que o funcionário chamaria uma ambulância do Corpo de Bombeiros para atendê-lo ainda no local.

Dessa forma, um dos socorristas teria alertado que o homem estaria simulando o mal-estar. Quando perguntado se pagaria a conta, o suposto golpista disse que não tinha dinheiro.

Casos suspeitos

Natural de Brasília (DF), Ruan Pamponet Costa teria um histórico de supostos golpes aplicados por diversos lugares do Brasil, como Caldas Novas (GO), cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e do litoral nordestino.

Além disso, o homem ainda teria como hábito se apresentar como um jogador de futebol em vários estabelecimentos.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade