Preso por quebrar a casa e agredir a ex em Anápolis, homem promete matá-la após sair da cadeia

Agressor afirmou que a Justiça é fraca e, por isso, estará solto em no máximo dois dias

Da Redação -
Casa de vítima ficou destruída após agressões do ex-namorado. (Foto: Reprodução).

Um homem visivelmente alterado foi preso pela Polícia Militar (PM) em frente a uma igreja de Anápolis na noite deste sábado (23), suspeito de ter agredido a ex-namorada, no bairro Parque Calixtópolis I.

Segundo relatos de testemunhas, por volta das 21h o suposto agressor, de 39 anos, estava na casa da vítima quando eles começaram a discutir e o sujeito começou a desferir golpes físicos contra a mulher, de 40 anos.

Além disso, o homem, que estaria visivelmente embriagado e violento, teria começado a destruir a casa da ex-companheira e saiu do local em seguida.

Pouco tempo depois, ele ainda voltou à residência da mulher para tentar agredi-la de novo, mas moradores que estava no local seguraram o indivíduo.

Quando a guarnição da PM chegou ao local, o homem ainda teria resistido à prisão, sendo necessário o uso de força para contê-lo e conduzi-lo para a delegacia.

Enfurecido, o suposto agressor começou a xingar e fazer ameaças de que mataria a ex-companheira assim que fosse liberado, pois não acreditava no sistema judiciário e que em dois dias estaria solto novamente.

Não o bastante, ao chegar no distrito policial, o homem começou a bater a cabeça na parede até sangrar, como forma de simular que estava sendo atacado pela guarnição.

Mesmo após ser levado a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Vila Esperança para sutura, continuou o gesto.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.