Turismo em Goiás cresce quase 50% em um ano, impulsionado por flexibilizações

Tecnologias influenciaram adaptação de serviços a novos públicos, aponta coordenadora do Observatório do Turismo

Augusto Araújo -
Turismo de natureza cresceu em Goiás durante pandemia de Covid-19. (Foto: Divulgação/ Goiás Turismo).

Com um cenário cada vez mais flexível em relação às medidas de combate à pandemia de Covid-19, o turismo em Goiás disparou em um intervalo de 12 meses, atingindo um crescimento de 59,7% entre março de 2021 e o mês equivalente de 2022.

Esse dado foi divulgado pela última Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O levantamento indica também que o setor evoluiu 3% em relação à fevereiro deste ano.

Ao Portal 6, Giovanna Tavares, coordenadora do Observatório da Goiás Turismo, apontou que serviços como transporte aéreos, restaurante, hotéis, aluguel de carro e serviços de buffet foram os principais responsáveis pela retomada do ramo turístico no estado.

“Com o avanço da vacinação e os decretos mais flexíveis, os eventos voltaram a acontecer, as pessoas voltaram a consumir mais e a economia cresceu de novo”, explicou.

Giovanna relembrou que, desde o início do surto de Covid-19, em março de 2020, o setor precisou passar por adaptações e até mesmo contou com o auxílio das tecnologias para se sustentar no período crítico.

“O turismo de proximidade [dentro do estado] e de natureza cresceu muito por causa da pandemia. Além disso, muitos serviços passaram a fazer um uso maior da internet para movimentar os negócios, alcançando outros tipo de público e foram se inovando”.

A coordenadora do Observatório apontou também que existe a expectativa de que o setor mantenha o crescimento ao longo de 2022, caso os índices de Covid-19 permaneçam sob controle.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.