Trem lotado descarrilha e deixa 4 mortos e cerca de 60 feridos na Alemanha

Informações afirmam que haviam vários alunos de uma escola a bordo

Folhapress -
(Foto: Ilustração/ Flickr)

SÃO APULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) – Ao menos quatro pessoas morreram e 15 estão em estado grave após um descarrilamento de trem no sul da Alemanha. As informações são da agência de notícias Reuters e o incidente foi próximo à estação de esqui Garmisch-Partenkirchen, na Baviera. O número total de feridos chega a cerca de 60, segundo o jornal alemão Muenchener Merkur.

O porta-voz da polícia disse ainda não ter detalhes sobre quem são as pessoas mortas, mas afirmou que o trem estava lotado no momento do acidente. O jornal alemão Muenchener Merkur informou que havia vários alunos de uma escola a bordo do trem.

Segundo a polícia, a linha ferroviária foi completamente fechada e uma grande operação dos serviços de emergência está em andamento. O bloqueio do tráfego em alguns pontos pode durar até amanhã de manhã. As causas do acidente ainda são investigadas.

Um soldado americano estava em um dos vagões na estrada ao lado da linha férrea e disse que foi “terrível” ver o acidente. “Simplesmente horrivel. De repente, o trem tombou”, disse ele, ao Merkur.

A AFP noticiou que parte da rota entre Munique e Garmisch-Partenkirchen foi bloqueada e o tráfego desviado pela operadora ferroviária alemã Deutsche Bahn.

A polícia e os soldados que estavam preparando os procedimentos de segurança em Schloss Elmau, próximo ao Garmisch-Partenkirchen, que receberá o presidente dos EUA, Joe Biden, e contará com chefes de estado e de governo no fim deste mês, foram enviados ao local para prestar suporte no resgate

Três helicópteros da região de Tirol, na Áustria, foram enviados ao local para prestar primeiros socorros, de acordo com relatos.

A polícia teme que haja mais mortes, segundo o Merkur. Quem apenas se feriu ou saiu ileso já foi resgatado do trem, entre eles um idoso, que descreveu o acidente como repentino. “De repente, havia muito barulho e depois havia poeira”, disse ele, ao jornal alemão Tagblatt. A força do tombamento quebrou as janelas e arremessou passageiros para fora de seus vagões.

Um dos bombeiros contou que o terreno é “intransitável”, sendo necessário derrubar árvores e remover barreiras de proteção para abrir caminho para o resgate. “É brutal”, disse ele. De acordo com Harald Bauer, porta-voz da polícia na Alta Baviera Sul, muitos estudantes foram afetados. “É muito estressante para os serviços de emergência” , falou. Bauer descreveu a situação como “terrível e completamente dramática”.

O ministro dos Transportes do estado da Baviera, Christian Bernreiter, anunciou que estará no local em algumas horas, e o ministro do Interior, Joachim Hermann, quer ter uma ideia da situação no local logo em seguida.

24 ANOS DO PIOR ACIDENTE DE TREM DA HISTÓRIA DA ALEMANHA

Em 1998, há exatos 24 anos, o pior acidente de trem da história da Alemanha deixava 101 mortos em Eschede, na Baixa Saxônia. O motivo também foi um descarrilamento. O acidente fatal mais recente envolvendo trens no país europeu foi em 14 de fevereiro deste ano, quando uma pessoa morreu e outras 14 ficaram feridas em uma colisão perto de Munique.

Em 2017, uma colisão entre um trem de passageiros e um trem de carga feriu 41 pessoas perto de Dusseldorf.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.