Após tentar matar o marido, mulher em Anápolis sai algemada e dentro do camburão por querer agredir PM’s

Ela não queria deixar o rapaz ir embora e teria se auto machucado para prejudicá-lo, mas aconteceu o inverso

Da Redação -
Polícia Militar atendendo ocorrência. (Foto: Reprodução)

Uma jovem de 18 anos foi presa depois de atacar o próprio companheiro, de 26, e ofender e agredir policiais militares neste sábado (18), no Residencial América, na região Norte de Anápolis.

A Polícia Militar (PM) foi acionada pelo proprietário da residência onde o casal vive. Quando a viatura chegou ao local, o homem informou que a parceira dele estava com a chave e se recusava a abrir.

Depois de um tempo, ela aceitou conversar com os agentes, que notaram-na alterada e nervosa.

A vítima, por sua vez, contou aos policiais que foi agredido pela jovem com uma faca de cozinha e cortou o dedo da mão esquerda para se defender, uma vez que ela tentou atingi-lo no pescoço.

Para tentar incriminá-lo, a mulher ainda teria infligido um ferimento em si própria. O homem disse então que não queria mais confusão e pegou as roupas para sair de casa.

Quando ele ameaçou sair, a companheira ficou ainda mais agressiva, tirou as vestimentas das mãos dele e jogou-as no chão. No momento em que a vítima foi sair, ela foi para cima do parceiro e a polícia precisou intervir.

A mulher resistiu à prisão, partiu para a agressão e foi algemada. Já dentro do camburão, a suspeita ainda se debateu e os militares tiveram trabalho para controlá-la.

O casal foi conduzido à Central de Flagrantes de Anápolis. Foi feito um exame de corpo de delito e lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por desacato.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade