Amante do chefe se dá mal ao descobrir que ele também saia com outras funcionárias e tentar vingança

Alvo foi uma colega de trabalho que não sabia do envolvimento; homem é casado

Gabriella Licia -
Whitney Franks ficou desconsolada após saber da ‘traição’. (Foto: Reprodução)

Um jovem britânica mantinha há mais de um ano o caso extraconjugal com o gerente da onde trabalhava quando descobriu que ele estaria a ‘traindo’ com outras funcionárias da empresa de comércio esportivo, SportsDirect.

A decisão de Whitney Franks, de 26 anos, foi procurar um assassino de aluguel no Facebook para tirar a ‘colega’ do caminho. No entanto, ela acabou se dando muito mal.

Segundo as informações do The Sun, a moça era empilhadora no trabalho e se envolveu com James Prest, que é casado, após começarem a trabalhar juntos, na filial da Inglaterra.

A jovem precisou ser transferida para outra filial e, após um curto prazo, ela descobriu sobre o novo romance do amante com Ruut Ruutna, após flagrar a dupla juntos.

No Facebook, Whitney postou o endereço de Ruut, que até então não sabia do romance proibido deles, e explicou que estaria procurando um pistoleiro que fizesse o trabalho por £ 1.000 (cerca de R$ 6,5 mil).

“Estou querendo o assassinato de uma mulher. Tenho 1.000 libras e estou disposta a pagar mais. Esta mulher causou muitos problemas para mim e para os outros. Por favor, você pode ajudar a resolver isso?”, compartilhou.

O grande problema foi que a mensagem chegou até um jornalista britânico, que decidiu levar o caso até a polícia na última segunda-feira (18). A empilhadora foi presa por planejar um assassinato.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.