Anápolis já confirmou 141 novos casos de HIV em 2017

Resultado do exame sai em 20 minutos nas UBS's locais

Rafaella Soares -

Desde de 1988, celebra-se em 1º de dezembro o Dia Mundial de Combate a AIDS. A data foi estipulada para que a população seja conscientizada e saiba se prevenir da doença, que ao invés de ser controlada, continua se espalhando.

Neste ano, em Anápolis, já foram registrados 141 novos casos através do Programa DST/Aids, segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa).

Em todo o município existem 1.055 pacientes que fazem tratamento ativamente. Desde 1998, quando o programa foi implantado na cidade, já foram cadastrados 2.024 pessoas.

A doença não tem cura, mas, quando tratada corretamente, apresenta poucos sintomas nos pacientes. Os testes que diagnosticam o HIV podem ser realizados em todas as Unidades Básicas de Saúde de Anápolis e o resultado sai em cerca de 20 minutos.

Cuidados

Ao contrário do que muitos ainda pensam, portar o vírus do HIV não significa ter AIDS. Estudos comprovam que quando o tratamento é feito corretamente, as possibilidades de a doença se desenvolver são quase nulas.

A transmissão do vírus pode acontecer por meio de relações sexuais sem proteção, compartilhamento de seringas contaminadas, transfusões de sangue contaminado e até mesmo de mãe para filho durante a gravidez ou amamentação.

Apertos de mão, abraços, beijos e compartilhamento de toalhas, banheiros e piscina não podem transmitir o HIV.

A melhor maneira de evitar o vírus é realizar o teste com frequência e sempre usar camisinha.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.