Ladrão de galinha é flagrado pelo tio com a mão no galo, no Residencial América

Todos foram parar na delegacia, inclusive o animal, que é gigante e de raça cobiçada

Da Redação -

Quem pensa que o crime de ‘roubar’ galinha foi extinto, se engana.

Nesta quarta-feira (04) Rafael Alves, de 28 anos, foi levado pela Polícia Militar à Central de Flagrantes, no Centro, após ser flagrado tentando levar um galo índio enorme do quintal do tio, no Residencial América, região Nordeste de Anápolis.

Na delegacia, o tio alegou que suas galinhas estavam sumindo e já desconfiava do sobrinho – que seria usuário de craque e alcoólatra. Dessa vez, preferiu ficar vigiando e pegou Rafael ‘no pulo’.

Revoltado, o proprietário acionou o 190, e todos, inclusive o galo, foram na viatura para registrar a ocorrência na Polícia Civil.

O delegado de plantão Renato Rodrigues de Oliveira considerou o caso como de menor potencial ofensivo e, após ouvir Rafael, o liberou. O tio, no entanto, ficou revoltado porque queria que o sobrinho fosse para a cadeia.

As informações são do radialista Márcio Gomes

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.