Portal 6

Praça dos Expedicionários é revitalizada e deixa de ser depósito de carros apreendidos

(Foto: Daniel Carvalho)

Melhorias não custou um centavo do bolso da Prefeitura e local agora pode ser utilizado como espaço de convivência

Fruto do projeto Adote Uma Praça, foi entregue nesta quinta-feira (12) pela Associação Comercial e Industrial de Anápolis (Acia) a revitalização da Praça dos Expedicionários.

O local que, durante anos, serviu como depósito de carros apreendidos, prejudicando o trânsito da região Central da cidade, agora, pode ser utilizado como espaço de convivência.

O evento preparado para a inauguração foi também de celebração dos 102 anos do capitão Waldyr O’Dwyer, que é um dos expedicionários que lutaram na 2ª Guerra Mundial, homenageados na praça e um dos poucos que ainda estão vivos.

“Estarei sempre presente para ajudar no que for preciso. Sinto-me em casa e muito mais anapolino, apesar de ser há bastante tempo. Essas homenagens e essa praça cheia, não poderiam ser mais honrosa para um cidadão . Nunca imaginei que poderia receber um agradável tão agradável e tão participante”, disse o capitão durante discurso.

Representando o prefeito Roberto Naves (PTB) – que passou no evento para cumprimentar o homenageados e as autoridades presentes, mas precisou ir à Goiânia para participar de uma reunião – o secretário de Meio Ambiente Wederson Lopes ressaltou que, sozinha a Prefeitura não conseguiria realizar todos esses serviços de manutenção e revitalização.

“Temos a mentalidade de uma gestão moderna que faz parcerias sem vaidades, pensando sempre no bem da cidade e da população. Já conseguimos realizar a revitalização e a manutenção de várias praças e canteiros em um curto espaço de tempo com este programa”.

A solenidade contou ainda com a presença dos familiares do capitão O’Dwyer, autoridades municipais, estaduais e militares, além da participação da Banda do Exército Brasileiro e do Tiro de Guerra de Anápolis.

Em tempo

A adoção de praças, parques, canteiros e logradouros públicos foi sancionada como lei (nº 42.297) em abril deste ano pelo prefeito Roberto Naves (PTB).

Com a iniciativa, qualquer entidade civil ou pessoa física pode assumir a responsabilidade de urbanizar e manter áreas verdes públicas do município. Dessa forma, a população conta com espaços em bom estado de conservação para o lazer, as empresas fazem publicidade porque terão seus nomes em placas indicando que elas fazem parte deste projeto, e a Prefeitura economiza na sua receita. Podem ser adotadas praças, parques, canteiros centrais e trevos das entradas da cidade.

Na última semana, a Brainfarma adotou o Parque Ipiranga, no Jundiaí, e a MRV Engenharia a Praça Bartolomeu Nunes de Oliveira, na Vila Jaiara. Além dessas duas empresas e a Acia, a Realiza Construtora adotou um canteiro central na entrada da Vila Formosa, que está sendo transformado no primeiro pocket park da cidade.

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.