PublicidadePublicidade

Jararaca entra em fábrica do DAIA e toca o terror nos operários

Corpo de Bombeiros teve de se deslocar rapidamente ao local para capturá-la antes que o pior acontecesse

Avatar Danilo Boaventura -

Elas não estão de brincadeira! Na tarde desta quarta-feira (28) o Corpo de Bombeiros teve de capturar uma cobra que apareceu no chão da Competec, tradicional fábrica de equipamentos do Distrito Agroindustrial de Anápolis (DAIA).

Peçonhenta e muita ligeira ao se arrastar pelo chão, a jararaca aterrorizou os operários do local. Recolhida rapidamente pelos militares, ela foi deixada numa mata da região.

Segundo a corporação, o resgate de cobra é rotineiro na cidade e nem sempre esses animais aparecem em locais tão adversos de seus habitat naturais.

PublicidadePublicidade

Também é frequente o atendimento no Hospital Municipal Jamel Cecílio de vítimas picadas e envenenadas. Somente no início deste ano foram 32 casos, conforme levantamento feito pela Secretária Municipal de Saúde (Semusa).

Os locais em que elas aparecem são os mais imprevisíveis, como dentro da máquina de lavar roupasem móveis de escritório, na porta de empresas ou no motor de um carro. Após a captura, as cobras são devolvidas à natureza ou levadas para o serpentário da UniEvangélica.

https://portal6.com.br/2018/03/16/motorista-toma-susto-ao-sentir-cobra-subindo-pelas-pernas-enquanto-dirigia-em-anapolis/

Mais susto

Dias atrás chamou atenção o resgate de uma cascavel, que causou pânico em estudantes que saiam a noite de uma faculdade no Cidade Universitária.

Mas nem sempre as cobras querem ‘atacar’, como em um caso recente, em que uma jiboia foi flagrada ‘tomando banho’ na piscina de uma casa da Avenida Contorno, no Centro de Anápolis.

Cuidados

Essa “invasão” de cobras em Anápolis pode ser explicada basicamente por dois motivos, como explica a médica veterinária Paula Damasceno, residente em Clínica Médica e Cirúrgica de Animais Silvestres na Universidade de Brasília (UnB).

“Elas buscam abrigo e alimentação. As expansões urbanas são fundamentais para limitar o habitat delas, então, principalmente nessa época chuvosa, elas buscam um lugar para se abrigar. Em relação a alimentação, as mesmas se alimentam de pequenos roedores e algumas espécies de aves. Dessa forma, elas costumam procurar locais cheios de entulho, que vão servir tanto para abrigo quando para captar a atenção de ratos, por exemplo”.

Pequenas ações, no entanto, ajudam a prevenir o aparecimento desses animais.

“A melhor prevenção é não deixar abrigo e alimento a disposição dessas serpentes. As chances dessas ocorrências diminuem significativamente quando se toma precauções como fechar as frestas e buracos das paredes, evitar o acumulo de lixo ou entulho perto de casa, manter a grama aparada, afastar a cama de paredes, sacudir sapatos e roupas antes de usá-los, além de também usar botas quando estiver trabalhando, pisando em folhas ou capim seco e úmido e ter cuidado ao carregar tijolos, telhas e lenha.”

https://portal6.com.br/2018/04/10/especialista-explica-porque-anapolis-esta-sendo-invadida-por-cobras/

Precauções como essas também devem vir acompanhadas de extrema vigilância com as crianças, sobretudo em áreas rurais ou quintais sem muros e com muita vegetação.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade