Portal 6

Novo caso de assédio envolvendo motorista de Anápolis viraliza nas redes sociais

(Foto: Reprodução/ Twitter)

Após relato de jovem, outros usuários também contaram ter passado por situação semelhante com o mesmo homem

Mais um caso de assédio envolvendo motorista de aplicativo de Anápolis repercute fortemente nas redes sociais.

Tudo começou com o relato da primeira vítima, uma jovem de 22 anos, que acionou a viagem pelo aplicativo da 99 Pop após sair do bloco de carnaval realizado nesta terça-feira (05), na Praça do Ancião, no Centro de Anápolis.

Como quase toda garota, ela costuma sempre viajar no banco traseiro, mas dessa vez entrou no da frente por causa da chuva. O destino seria a casa dela e quando chegaram, segundo a passageira, o motorista tentou agarrá-la a força.

No Twitter, ela contou que saiu imediatamente do veículo e correu.

O relato, até o início desta tarde de quarta-feira (06), já tinha mais de 600 reações e 551 retweets.

Foi o estopim para que outros usuários, inclusive homens, também contassem já terem passado por situações semelhantes com o mesmo motorista.

(Reprodução/Twitter)

Em conversa com a reportagem do Portal 6, a jovem contou ter avisado o suporte do aplicativo sobre o ocorrido e disse que também deverá registrar um Boletim de Ocorrência na Polícia Civil.

“Vou hoje mesmo ou amanhã. Só queria que a empresa fizesse algo a respeito”, desabafou.

Com a palavra a assessoria de imprensa da 99

A 99 informa que recebeu da passageira, pelo sistema de comentários do aplicativo, a grave denúncia envolvendo um motorista da plataforma, em viagem ocorrida na noite de terça-feira, dia 5 de março, em Anápolis (GO).

A empresa bloqueou o perfil do condutor preventivamente enquanto apura o caso.

O app se solidariza com a vítima e está buscando contato com ela para prestar todo o apoio possível. A empresa também se encontra aberta a colaborar com a polícia.

A 99 repudia essa e quaisquer outras ocorrências de violência e está trabalhando 24 horas por dia, 7 dias por semana, para colaborar com a segurança dos usuários.

Em tempo

No mês passado o relato de uma adolescente, de Aparecida de Goiânia, que acionou uma corrida pela mesma empresa, também chocou internautas. O motorista era de Anápolis e, além de assediá-la durante o trajeto, quis manter um diálogo de forte conotação sexual com ela.

Relato assustador de estudante que diz ter sido assediada por motorista de Anápolis viraliza

A 99 reagiu expulsando sumariamente o então parceiro do aplicativo.

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.