Portal 6

É espantoso o relato de adolescente que diz ter sido assediada por motorista em Anápolis

(Foto: Captura)

Ela chegou a divulgar nome e placa do homem pelas redes sociais, mas temendo algo pior, retirou publicação do ar

Um novo caso de assédio envolvendo um motorista do aplicativo 99 Pop foi registrado em Anápolis na noite desta sexta-feira (19).

A vítima, uma adolescente de 16 anos, chegou a postar nas redes sociais uma foto com a placa e o nome do suspeito, pedindo que outras garotas tivessem cuidado quando precisassem usar a ferramenta de transporte.

Rapidamente, a publicação tomou grandes proporções e muitas pessoas se solidarizaram com a garota. Mas, com medo de ser ameaçada ou processada, a foto foi retirada do ar.

Ao Portal 6, a adolescente contou que saía da casa de uma amiga, na Vila Formosa, com destino ao endereço do namorado quando tudo aconteceu.

“O motorista conversou como todos os outros e perguntou qual música eu queria ouvir. Quando cheguei na casa do meu namorado pedi para ele esperar pois não sabia se ele estava em casa. Como realmente não estava, pedi para iniciar outra viagem direto para minha casa”, disse.

Foi nesse instante que o motorista teria começado a agir de forma estranha, perguntando a idade da adolescente e se ela não gostaria de sair em um encontro.

“Eu disse que não queria e que não saia com estranhos, mas ele rebateu que não era um estranho porque eu estava conhecendo ele. Ao chegar na minha porta, ele segurou a minha mão quando fui entregar o dinheiro e começou a fazer carícias. Eu puxei a mão e ele segurou, insistindo para pegar ao menos o meu número. Puxei novamente a mão com força e sai do carro”, relembrou.

A adolescente afirmou que irá à Central de Flagrantes ainda na tarde deste sábado (20) para registrar um Boletim de Ocorrência.

Com a palavra a 99 POP

A 99 informa que recebeu grave denúncia envolvendo um motorista da plataforma, no dia 19 de abril, em Anápolis (GO). O perfil do condutor foi bloqueado.

A 99 se solidariza com a vítima e está buscando contato com ela para prestar todo o apoio necessário. A empresa está aberta a colaborar com a polícia.

A 99 repudia essa e quaisquer outras ocorrências de violência e tem uma política de tolerância zero em casos como esse. A empresa trabalha 24 horas por dia, 7 dias por semana, para colaborar com a segurança de passageiros e motoristas.

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.