Portal 6

Empresário de Anápolis vai para cadeia após vítima fazer reconhecimento na delegacia

(Foto: Danilo Boaventura)

Dois outros jovens, que seriam funcionários dele, também se envolveram no caso violento

Três jovens foram acomodados nesta sexta-feira (11) no Centro de Inserção Social Monsenhor Luiz Ilc, a cadeia pública de Anápolis, suspeitos de cometerem um roubo no Jardim Europa, região Leste da cidade.

Consta nos registros policiais que uma viatura em patrulhamento recebeu as informações sobre o crime e acabou localizando o veículo com as mesmas características indicadas pela vítima.

O motorista era Júlio Cesar Alves Carvalho, de 23 anos, que é proprietário de um Lava Jato na Avenida Brasil Norte. Junto dele estava Reidiner Rodrigues da Silva, de 19 anos, e Lucas Regino Morais Dias, de 22 anos. Ambos trabalham lavando carros e seriam funcionários de Júlio.

Eles tentaram fugir dos policiais ao receberem a voz de parada e ainda despejaram um simulacro de arma de fogo, usada para intimidar a vítima, em uma lata de lixo. No entanto, foram rapidamente detidos.

Durante a busca veicular, os agentes encontraram com os suspeitos uma bolsa, um celular e R$ 90 em espécie, que pertenciam à mulher. Já na casa do empresário, localizaram outros três aparelhos celulares de origem duvidosa.

A equipe policial encaminhou o trio à Central de Flagrantes, onde a vítima reconheceu Lucas Regino como sendo o assaltante armado que a abordou para tomar os pertences, enquanto os outros dois ela afirma não ter visto, pois estariam dentro do carro quando tudo aconteceu.

De toda forma, os três foram autuados pelo roubo e estão à disposição da Justiça.

Quer comentar?

Comentários






Nosso Twitter

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.