PublicidadePublicidade

Curso de Ciência da Computação no IFG Anápolis se tornou um dos melhores do país

Resultado foi atestado pelo MEC, que levou em conta organização didático-pedagógica, corpo docente e infraestrutura, dentre outros fatores

Da Redação Da Redação -

O curso de bacharelado em Ciência da Computação ofertado pelo câmpus Anápolis do Instituto Federal de Goiás (IFG) obteve a nota 5 em avaliação feita por técnicos do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC) e se tornou um dos melhores do país.

A avaliação analisou as condições relativas à organização didático-pedagógica do curso, ao corpo docente e tutorial, à infraestrutura e aos requisitos legais e normativos e a nota é atribuída dentro de uma escala crescente de  1 a 5.

Ciência da Computação é um dos cinco cursos superiores oferecidos pelo IFG em Anápolis e teve início em 2016, sendo que este ano terá sua primeira turma de formandos. Os outros cursos superiores do câmpus – Engenharia Civil da Mobilidade, licenciatura em Química, licenciatura em Ciências Sociais e tecnologia em Logística – já tiveram sua avaliação para reconhecimento do curso realizada pelo MEC e receberam todos nota 4.

PublicidadePublicidade

Para a diretora-geral do IFG em Anápolis Elza Gabriela Godinho Miranda, a obtenção desse conceito foi uma conquista de valor incalculável. “Fechamos o ano com chave de ouro. A nota 5 é o resultado de um trabalho em equipe e de um esforço especial dos docentes e alunos do curso. Toda a comunidade comemora esse resultado”, afirmou a professora.

“Essa nota vem prestigiar o carinho e a dedicação dos servidores deste câmpus com o ensino, a pesquisa e a extensão. Em especial, os alunos do curso se envolveram numa sinergia muito saudável com os professores e conseguimos construir um ambiente onde a qualidade e o crescimento de todos se tornou o objetivo maior”, acrescentou Daniel Xavier, coordenador do curso.

“[Ciências da Computação] acompanha o crescimento da cidade de Anápolis e mostrou aos avaliadores do Inep/MEC que seus objetivos são coerentes com as demandas, principalmente nas áreas de Inteligência Artificial, Pesquisa Operacional e Desenvolvimento de Softwares”, finalizou.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade