Portal 6

Enel poderá emitir faturas com média de consumo ao invés da leitura presencial

Companhia também informa que cortatá a energia elétrica de clientes que cancelarem pagamento por débito automático

Atuando no setor de distribuição de energia nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará e Goiás, a Enel Brasil comunicou nesta quarta-feira (25) que implementará de imediato as medidas extraordinárias anunciadas no dia anterior pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Entre as medidas anunciadas pela autarquia reguladora está a suspensão do corte no fornecimento de energia elétrica aos consumidores residenciais (rurais e urbanos) e serviços essenciais durante os próximos 90 dias.

“A decisão não inclui grandes clientes, como indústrias e comércios, e clientes que cancelarem a modalidade de pagamento por débito automático em conta ou outras formas de pagamento eletrônico”, ressaltou a companhia.

No mesmo comunicado que enviou à imprensa, a Enel adiantou que poderá seguir outra medida recomendada pela Aneel: emitir faturas com a média de consumo dos últimos 12 meses ao invés da leitura presencial nos padrões de energia elétrica das residências.

Segundo a empresa, isso serviria “para reduzir a circulação de pessoas” e”nos casos em que o procedimento for adotado, não serão alteradas as datas de vencimento das contas”.

“A Enel Brasil reitera a importância de que os consumidores com condições de manter as contas em dia continuem realizando o pagamento. Os clientes podem acessar os meios eletrônicos, como débito automático e internet banking”, pediu.

Quer comentar?

Comentários






Nosso Twitter

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.