PublicidadePublicidade

Comprado em Anápolis, carro interceptado pela PRF carregava lucro milionário do crime organizado

Condutor disse à corporação que é do MA e esteve no município apenas para adquirir o veículo, que seria levado para o PA

Da Redação Da Redação -

Um VW/Gol com placas de Anápolis conduzido por um homem, de 43 anos, foi interceptado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) neste sábado (27) na BR-060, em Jataí.

No veículo, os policiais encontraram oito quilos de drogas escondidas na lataria: 2 quilos de pasta base de cocaína e 2,1 quilos de skunk, conhecida como supermaconha.

O condutor disse à PRF que mora em Imperatriz (MA) e foi contratado por uma pessoa do estado do Pará para comprar o carro em Anápolis, buscar a droga em Campo Grande (MS) e levar até Belém (PA).

PublicidadePublicidade

Segundo a corporação, o prejuízo que essa apreensão causa ao crime organizado é estimado em cerca de R$ 1,1 milhão, valor que traficantes poderiam lucrar com a comercialização da droga.

Preso, o homem foi conduzido pela PRF e levado à Polícia Judiciária de Jataí.

“Com o enfrentamento qualificado à criminalidade, a PRF trabalha para estrangular a logística criminal e enfraquecer as fontes de receita do crime organizado, em especial as relacionadas ao tráfico de drogas”, destacou a corporação em comunicado à imprensa.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade