PublicidadePublicidade

Motoristas do transporte escolar podem recorrer a linha de crédito exclusiva durante a pandemia

Programa foi lançado pelo Governo do Estado e espera atender até 2 mil profissionais

Caio Henrique Caio Henrique -

Um dos ramos mais afetados pela pandemia do novo coronavírus foi o de transporte escolar. Muitos motoristas tiveram que pensar em formas alternativas para gerar renda, já que a crise impediu a realização das aulas presenciais em Goiás.

Uma das alternativas propostas pelo Governo do Estado foi a disponibilização de uma linha de crédito destinada exclusivamente a esses profissionais.

Intitulado Goiás Empreendedor, o programa foi lançado no primeiro dia do mês de junho e, desde então, distribuiu um total de R$1 milhão e 269 mil em empréstimos, que estão sendo pagos de forma parcelada.

PublicidadePublicidade

De acordo com o Governo, 141 destes trabalhadores já foram contemplados com o auxílio financeiro. A expectativa é de conseguir estender a ajuda para até 2 mil pessoas, através dos R$18 milhões que foram disponibilizados para a realização do programa.

O crédito terá 12 meses de carência e 48 meses para o pagamento total, com juros de 0,8% ao mês. Aos profissionais interessados no recurso, as solicitações podem ser feitas pelo seguinte e-mail: [email protected]

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade