PublicidadePublicidade

Três das quatro vítimas de tragédia na BR-153 foram enterradas em Anápolis

Dinâmica do acidente ainda é uma incógnita e somente a perícia poderá apontar o que realmente aconteceu, segundo a PRF

Da Redação Da Redação -

Vítimas fatais do grave acidente ocorrido na BR-153, na altura de Porangatu, José Lisboa Ramos Filho, de 63 anos, e os netos Luara Silva Lisboa Ramos, de 09 anos, e Arthur Silva Lisboa Ramos, de 06 anos, foram enterrados no Cemitério São Miguel, em Anápolis, na tarde desta quarta-feira (16).

Cristiane Rocha Nogueira, de 42 anos, que também estava na caminhonete conduzida pelo idoso, está sendo velada no Tocantins.

A dinâmica da colisão que envolveu mais dois caminhões e um ônibus de turismo ainda é uma incógnita, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com a corporação, somente a perícia conseguirá apontar o que de fato aconteceu.

PublicidadePublicidade

Os motoristas dos demais automóveis ficaram feridos e foram atendidos em unidades de saúde da região ainda na tarde de ontem (15).

O congestionamento na rodovia chegou a superar os 10 km e a pista só foi liberada após às 22h.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade