PublicidadePublicidade

Potencial estuprador consegue fugir de delegacia em Anápolis

Horas antes ele havia sido detido pela Polícia Militar após atacar uma criança na região Norte da cidade

Da Redação Da Redação -
(Foto: Gabriella Lícia)

Um homem de identidade ainda não revelada conseguiu fugir da Central de Flagrantes, nesta terça-feira (22), após ser detido suspeito de tentar estuprar uma garotinha de 10 anos, no Conjunto Mirage, em Anápolis.

Ele estava em uma antessala da carceragem, aguardando a conclusão do auto de prisão, e conseguiu se soltar da algema usando um pedaço de um copo descartável. Depois arrombou uma janela e escapou.

Anteriormente, ele havia sido detido depois que a Polícia Militar foi acionada para se deslocar até o bairro e encontrou uma garotinha e a mãe dela extremamente nervosas.

PublicidadePublicidade

A genitora contou que a filha foi até a padaria e demorou a retornar. Quando estava saindo para procurá-la, a criança apareceu no portão de casa chorando e com vários arranhões na perna.

O Portal 6 apurou que a menina então contou que o homem, que é magro, tem barba e usava botina e chapéu camuflado, teria a seguido na rua e oferecido um pacote de bolachas. Depois perguntou onde ela morava, porque queria ajuda para fazer uma ligação.

Como a garotinha não quis respondê-lo, teria a agarrado pelo braço, tampado a boca e jogado no chão, atrás de uma árvore. Desesperada, ela conseguiu se desvencilhar com chutes e o homem fugiu.

Os policiais realizaram um patrulhamento pela região e conseguiram localizar o suspeito. Ele foi reconhecido de imediato pela garotinha, que ficou tão assustada que começou a passar mal e precisou ser levada para um hospital.

O homem mentiu o nome dele quando se apresentou aos agentes. Depois, já na delegacia, apresentou outra identificação, que contém várias passagens e seria de um irmão dele.

O caso foi registrado como tentativa de estupro de vulnerável e falsa identidade.

O Portal 6 entrou em contato com a Polícia Civil para saber quais providências estão sendo tomadas em relação à fuga e foi informado que a delegada responsável pelo 1º DP, Geinia Maria Etherna, está à frente do caso.

A reportagem tentou falar com a autoridade por telefone, mas ainda não obteve sucesso.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade