PublicidadePublicidade

Com medo de ter corpo incendiado, idosa consegue fugir de casa para denunciar maus-tratos

Caso já foi registrado e deverá ser apurado pela Delegacia Especializada no Atendimento ao Idoso

Da Redação -
(Foto: Divulgação)

Uma moradora da região Sudeste de Anápolis, de 80 anos, saiu às pressas de casa nesta terça-feira (13) e decidiu pedir ajuda da Polícia Civil para se livrar de uma situação insustentável.

A idosa alegou que está sendo maltratada pelo próprio filho e constantemente é verbalmente atacada com uma série de xingamentos e outras palavras de baixo calão.

Desta vez, porém, ele teria se aproximado dela como se fosse dar um murro. Por isso, a vítima fugir da residência rapidamente, com medo de apanhar.

Enquanto se retirava, o suspeito ainda teria dito que, se fosse preso, colocaria fogo na mãe assim que saísse.

Por isso, a senhora decidiu tomar providência e denunciá-lo, afirmando que não aguenta mais tanto sofrimento e nem viver com o medo de que algo pior aconteça.

O caso foi registrado e deverá ser apurado pela Delegacia Especializada no Atendimento ao Idoso (DEAI).

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade