PublicidadePublicidade

Vingança por causa de avô com câncer quase termina em morte na região Norte de Anápolis

Envolvidos na briga se feriram bastante e foram levados para o HUANA

Da Redação Da Redação -
(Foto: Captura)

Atualizado às 12h28 com mais informações

Policiais militares tiveram de ser acionados às pressas na manhã desta quarta-feira (14) para ir ao Anexo Itamaraty, na região Norte de Anápolis, atender um caso grave de tentativa de homicídio envolvendo um homem, de 56 anos, e um jovem, de 21.

Quando os agentes chegaram ao local, os dois estavam em uma luta corporal, ao lado de um carro, e junto deles havia um revólver e uma faca. Moradores assustados se aglomeraram ao redor para ver o que estava acontecendo.

PublicidadePublicidade

Depois de serem separados, o mais velho contou ter combinado o encontro para comprar algumas telhas. No entanto, teria sido recebido a tiros no endereço e foi para cima do jovem para se desviar das balas.

Durante a confusão, ainda teria dado golpes de faca no rapaz e efetuado um disparo quando conseguiu arrancar a arma das mãos dele.

Já o mais novo alegou que, há alguns anos, o homem agrediu o avô dele, que atualmente está internado com câncer. Por isso, decidiu se vingar pelo sofrimento do parente e pegou o revólver que já tinha guardado há um ano.

Os dois ficaram com ferimentos e tiveram de ser encaminhados para o Hospital Estadual de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (HUANA).

A unidade informou ao Portal 6 que o paciente de 56 anos está estável e realizando exames. Já o de 21 está grave e estável e foi levado para o centro cirúrgico.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade