PublicidadePublicidade

Ao ir se consultar com o ginecologista, jovem recebe diagnóstico: “homossexual”

Caso ganhou repercussão após a imagem com o laudo médico ser publicado nas redes sociais

Gabriella Licia -
Laudo médico de ginecologista à jovem de 19 anos: “Homossexual” (Foto: Divulgação)

Uma jovem, de 19 anos precisou se consultar com um ginecologista para avaliar os problemas que estaria lidando com o ciclo menstrual, e recebeu o laudo médico: “homossexual”.

O caso aconteceu na Espanha, na última sexta-feira (04), e viralizou nas redes sociais após a mãe da paciente publicar o laudo do profissional.

Isso porque o médico atendente pontuou que a doença que ela teria, e que estaria causando as modificações no ciclo menstrual, seria ‘homossexualismo’.

A mãe da jovem recorreu ao Twitter para comentar a ação ofensiva.

“A única coisa que queremos dessa família é que não volte a acontecer. Hoje a homossexualidade não é uma doença e não tem o que falar. Essas situações podem causar muitos prejuízos aos adolescentes que têm dúvidas ou que vêm de um ambiente homofóbico. É preciso normalizar que cada um pode ter qualquer orientação”, disse Santi, mãe da moça.

Em defesa, o ginecologista alegou ao jornal El Español que tudo não passou de um mal entendido.

“Em vez de escrever esta palavra (homossexual) na caixa correspondente ‘antecedentes’, por interessar ao contexto clínico da doença desta menina, o que aconteceu é que saltou para a caixa ‘doença atual’”, disse.

Diante da situação de revolta e indignação, a Associação de Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transativistas de Cartagena e Comarca (Galactyco) entrou com uma denúncia contra o profissional.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade