Caixa passa a financiar imóveis sem entrada; veja quem tem direito

O programa Habite Seguro chegou no início de novembro e a Caixa passa a financiar imóveis sem entrada

Anna Júlia Steckelberg -
Caixa passa a financiar imóveis sem entrada
Imagem fachada de agência da Caixa Econômica Federal (Foto: Divulgação)

Caso você não saiba, desde a última quarta-feira (03), a Caixa Econômica Federal disponibilizou uma linha de crédito do programa Habite Seguro, lançado pelo Governo Federal. Ele foi criado para beneficiar policiais, bombeiros, agentes penitenciários, peritos e papiloscopistas de todo o Brasil. Assim, eles devem contar com mais subsídios do que o restante da população para realizar a compra da casa própria. Com isso, a Caixa passa a financiar imóveis sem entrada! 

Caixa passa a financiar imóveis sem entrada

Basicamente, por meio do Habite Seguro, é possível financiar imóveis novos ou usados, unidades de empreendimentos financiados na Caixa. E ainda, a construção de imóvel individual, inclusive pelo Programa Casa Verde e Amarela. 

Além disso, o programa dá condições diferenciadas, pois conta com R$ 100 milhões para liberar os créditos imobiliários oriundos do FNSP. Assim, os mesmos podem ser somados ainda aos subsídios aportados para os financiamentos no programa Casa Verde e Amarela.

Em resumo, devem se beneficiar com os recursos da Caixa quem tem renda mensal de até R$ 7 mil, quem ainda não tenha um imóvel próprio e que deseje um imóvel de até R$ 300 mil. Enquanto isso, os agentes de segurança que ganham até R$ 3 mil poderão receber crédito de até R$ 13 mil para subsidiar o imóvel.

No mais, quem recebe de R$ 3 mil a R$ 4 mil poderão receber até R$ 10 mil de subsídio.  E os agentes que ganham de R$ 4 mil a R$ 5 mil poderão ter a concessão de até R$ 8 mil. Quem recebe acima de R$ 7 mil também poderá contar com taxas e juros diferenciadas. Por fim, em todos os três níveis, a Caixa vai dar um valor para abater na taxa de contratação, que varia de R$ 2 mil a R$ 2.100.

Taxas e prazo de pagamento

O solicitante pode pagar o financiamento da Caixa em até 35 anos, com a possibilidade de usar a linha Poupança Caixa, lançada em 2021. No geral, essa linha tem taxas a partir de 2,95% ao ano, somado à remuneração adicional da poupança e saldo devedor atualizado todo mês pela TR. Com isso, nessa modalidade, o cliente pode escolher também, um prazo de carência de até seis meses para início do pagamento da parcela de juros e amortização.

Enquanto isso, os profissionais da segurança pública também podem optar pelos “Imóveis da Caixa”. Basicamente, se trata de casas e apartamentos de propriedade do banco, disponíveis para compra com descontos e atendimento especializado pelo site da Caixa. Assim, o profissional pode financiar até 100% do valor de venda, com recursos SBPE, sem precisar pagar por uma entrada e com prazo de até 35 anos para pagar.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.