Mapa da SES mostra que Goiás teve cidades que não registraram óbitos por Covid-19

Maiores centros urbanos do estado lideram ranking com registros de óbitos que chega a casa dos milhares

Augusto Araújo -
Imagem de corpo sendo enterrado Covid-19 (Foto: Reprodução)

A pandemia de Covid-19 começa a dar sinais de arrefecimento. Alguns municípios goianos até mesmo já começaram a liberar a população do uso de máscaras em lugares abertos.

Embora atualmente o clima seja mais de otimismo com o avanço da vacinação entre a população, o vírus causou danos de formas diferenciadas em cada município de Goiás ao longo dos 20 meses em que circulou pelo estado.

Portal 6 teve acesso aos dados mais recentes da Secretaria Estadual de Saúde (SES) para entender quais foram as cidades mais afetadas em números totais de óbitos e quais sofreram com menor intensidade os efeitos da Covid-19.

PublicidadePublicidade

Os maiores centros urbanos de Goiás acumularam mais mortes pela doença. Goiânia registrou 6.895 vidas perdidas desde março de 2020, bastante acima das cidades de Aparecida (1.779) e Anápolis (1.778), subsequentes no ranking.

No Sudoeste goiano, Rio Verde foi o município que mais teve óbitos pela doença, com 805 falecimentos. Com números muito próximos entre si, Trindade (513) e Luziânia (511) ficaram em 5º e 6º lugares na tabela da SES.

Itumbiara e Catalão, cidades localizadas no Sul do estado, vêm na sequência, com 474 e 413 mortes.  Por fim, Jataí e Senador Canedo (411 cada) fecham a lista dos municípios goianos que mais perderam vidas com a Covid-19.

Já as cidades menores tiveram um enfrentamento mais brando da doença. Municípios como Bonópolis, Buritinópolis, Cristianópolis e Lagoa Santa tiveram três mortes pela doença ao longo desses 20 meses.

Amaralina, Mimoso de Goiás, Moiporã e São João de Paraúna foram lugares em Goiás que apresentaram apenas duas mortes ao longo de todo esse período.

No Norte do estado, Nova Roma e Teresina de Goiás foram os dois municípios que registraram apenas um falecimento pela doença.

Guarani de Goiás e Sítio d’Abadia, cidades localizadas no Noroeste goiano, não registraram nem uma única morte pela doença.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.