Otorrinolaringologista tira dúvidas sobre as infecções de garganta

Profissional explica também sobre como é o diagnóstico e tratamento da doença

Publieditorial -
Dr Guilherme atua na Clínica Popular da Saúde. (Foto: Divulgação)

A otorrinolaringologia é uma especialidade médica que estuda e trata as doenças que acometem o nariz, seios da face, garganta e ouvidos. A amigdalite, que é uma inflamação das amigdalas, por exemplo, é tratada pelo otorrino.

As amígdalas protegem a garganta contra a invasão de micro-organismos. Como ficam expostas à passagem de ar, comida, bebida e tudo o que se leva à boca, acabam se tornando alvo de vírus e bactérias.

Através da consulta médica, em uma avaliação clínica e pelas queixas do paciente, é possível realizar o diagnóstico e iniciar o tratamento adequado.

Como muitas pessoas não sabem quando é o melhor momento de procurar ajuda, entrevistamos o Dr. Guilherme Mendes Pimenta, que atende atualmente na Clínica Popular da Saúde, em Anápolis.

O profissional é formado pela Universidade Federal de Goiás (UFG), com residência médica em Otorrinolaringologia e Fellowship em Rinologia pelo Hospital das Clínicas da UFG.

O que é amigdalite?
Dr. Guilherme Mendes: A amigdalite é a inflamação que atinge as amígdalas. Há vários tipos de amígdalas na região da boca e fundo do nariz. As mais vistas, as amígdalas palatinas, são duas estruturas arredondadas e carnudas situadas nas extremidades entre o céu da boca e a língua.

Quais são as causas da amigdalite?
Dr. Guilherme Mendes: A amidalite pode ser causada por vírus, por bactérias ou pela associação dos dois agentes. Geralmente, quando viral, é transmitida por gotículas expelidas em tosse, espirro, por beijo ou compartilhamento de objetos, como copos.

Quais os sintomas?
Dr. Guilherme Mendes: Os principais sintomas são febre, dor de garganta, falta de apetite, dificuldade para engolir e inchaço das amígdalas. Presença de pus não garante que se trata de infecção causada por bactérias.

Qual o tratamento?
Dr. Guilherme Mendes: O tratamento para a amigdalite está sujeito ao agente causador, sendo necessária uma avaliação médica. Quando o problema é causado por vírus, por exemplo, a recomendação é o uso de medicamentos (analgésicos e anti-inflamatórios) que aliviem os sintomas até que o próprio organismo do paciente combata a infecção. Quando a amigdalite é provocada por bactérias, faz-se necessário o uso de antibióticos.

Quando é necessária a remoção das amígdalas?
Dr. Guilherme Mendes: A retirada das amígdalas deve ser individualizada, mas há algumas indicações mais comuns: quando elas provocam a obstrução das vias aéreas ou quando quadros de amigdalite ocorrem com muita frequência.

Como prevenir?
Dr. Guilherme Mendes: Os bons hábitos de higiene previnem muitas coisas, inclusive amigdalite. Recomenda-se lavar as mãos antes das refeições e não compartilhar copos e talheres. Além disso, alimentação saudável, sono adequado e atividade física são sempre nossos aliados na manutenção da saúde.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.