Leandro Ribeiro aproveita sessão extraordinária e pauta votação para antecipar eleição da Mesa Diretora

Manobra serve para eleger o vereador Domingos Paula como novo presidente da Câmara Municipal

Denilson Boaventura -
Leandro Ribeiro é o atual presidente da Câmara Municipal de Anápolis. (Foto: Divulgação)

O presidente da Câmara Municipal de Anápolis, vereador Leandro Ribeiro (PP), incluiu na pauta da sessão extraordinária convocada para a próxima quinta-feira (23) a votação para antecipar a eleição da Mesa Diretora da Casa.

O projeto, protocolado no último dia 14 de dezembro, teve tramitação relâmpago nas comissões temáticas em uma corrida contra o tempo para fechar a costura que quer eleger o vereador Domingos Paula (PV) como o novo presidente do Legislativo.

Atual vice-presidente da Câmara, Domingos tem a trajetória política marcada por diversos escândalos. De cassação do mandato a registro de importunação sexual junto à Polícia Civil.

Se aprovada, a eleição da Mesa Diretora ocorrerá em fevereiro de 2022. Leandro e os colegas que defendem o projeto dizem que o objetivo é garantir que o processo interno não sofra interferências do resultado das eleições gerais do ano que vem.

Há três meses, no entanto, o atual presidente da Casa havia se posicionado publicamente contra esta mudança.

Na ocasião, mais especificamente na sessão do dia 22 de setembro, ele chegou a rebater o o vereador Delcimar Fortunato (Avante) que estava tentando recolher assinaturas dos demais vereadores para antecipar a escolha da nova Mesa Diretora.

“Já adianto que minha opinião é não. Ao antecipar as eleições, você prejudica o processo democrático da Casa”, respondeu Leandro, à época.

Inédita em Anápolis, a iniciativa de antecipar a votação não é novidade no estado. A Câmara Municipal de Goiânia e a Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) já aplicaram a medida.

Além da votação da antecipação da eleição da Mesa Diretora, outros projetos polêmicos constam na pauta da sessão extraordinária.

O reajuste no IPTU, o perdão de dívidas de templos religiosos e lojas maçônicas e a possibilidade de aumento de salário para os vereadores e demais agentes políticos do município são alguns deles.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.