6 países que até hoje consomem carne de cachorro e gato nas refeições

Hábito nesses locais é a herança de um passado de fome e miséria

Anna Júlia Steckelberg -
6 países que até hoje consomem carne de cachorro e gato nas refeições
Alguns paises possuem a crença de alguns benefícios medicinais na carne dos bichinhos. (Foto: Reprodução)

Nós brasileiros (pelo menos grande parte) não temos o costume de comer carne de cachorro ou de gato, não é mesmo? Isso porque, culturalmente, temos esses bichinhos como nossos amigos e companheiros que criamos dentro de casa. Bom, mas a verdade é que existem países que até hoje consomem carne de cachorro e gato. Conheça alguns deles aqui conosco!

Antes de tudo, entenda que os países que carregam esse hábito de comer esse tipo de carne, não vem de hoje. Basicamente, séculos atrás, esses locais passaram por longos períodos de escassez de alimentos. Por isso, acabaram aprendendo este hábito. Além disso, alguns ainda carregam a crença de alguns benefícios medicinais nos bichinhos.

6 países que até hoje consomem carne de cachorro e gato nas refeições:

1. China

Você, com certeza, já deve ter ouvido falar dos hábitos alimentares peculiares dos chineses, não é mesmo? Por exemplo, o consumo de insetos e tudo mais. Bom, a verdade é que eles são grandes apreciadores das carnes dos doguinhos. Existem até pratos mais elaborados e tradições.

2. Canadá

Ok, por essa você não esperava, pode confessar. Mas sim, o país norte-americano consome os pets nas escassez de comida ou em épocas de muito frio. Inclusive, para eles, é uma atividade super normal.

3. Estados Unidos

Calma, não se assuste! Em suma, não estamos nos referindo ao país todo, apenas ao Havaí. Assim, no estado do surf e praia, comer carne de gato é muito comum. Aliás, na chapa, frito, assado e por aí vai. Aceitaria um espetinho de gato havaiano?

4. Suíça

Em seguida, o país dos deliciosos e glamourosos chocolates também gostam de uma carninha de cachorro e gato, doido, né? Para termos uma ideia, nas regiões mais frias o consumo é alto e o governo defende o abate sem causar sofrimento aos pequenos. Aliás, os suiços comem tanto os pets, que são os segundo maiores consumidores da carne de cães — ficando atrás apenas da China.

5. Vietnã

Ok, vamos lá: no Vietnã cerca de 5 milhões de cachorros são consumidos por ano. Além disso, registros apontam que o abate dos bichinhos é de forma bem dolorosa para a carne ficar macia.

6. Coreia do Sul

Por fim, temos a Coreia do Sul, que até considera a carne dos pets de alto padrão. No geral, o país chega até a exportar a carne dos peludos e também abatem eles de forma cruel.

Siga o Portal 6 no Instagram: @portal6noticias e fique por dentro de todas as novidades!

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade