Descubra como fazer PIX parcelado de um jeito fácil e rápido

Com essa novidade, pessoas podem fazer compras parceladas com mais facilidade e reduzir a dependência do cartão de crédito

Augusto Araújo -
Descubra como fazer PIX parcelado de um jeito fácil e rápido
Nova modalidade de pagamento parcelado começa a ser oferecido por bancos. (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Uma nova forma de fazer depósito chegou para os brasileiros. Se trata do PIX parcelado, um modalidade de parcelamento que funciona como um modelo de crédito.

Com essa novidade, a pessoa pode fazer compras parceladas com mais facilidade e reduzir a dependência do cartão de crédito.

Sendo assim, confira como funciona o pagamento do PIX parcelado e descubra como fazer o parcelamento de uma forma rápida e simples!

Descubra como fazer PIX parcelado de um jeito fácil e rápido

Em primeiro lugar, a modalidade permite que clientes de bancos e fintechs possam contrair crédito para transferências e pagamentos parcelados em 12 a 24 vezes, com juros.

Vale destacar que as primeiras iniciativas nesse sentido foram apresentadas pela fintech Mercado Pago e pelo Banco Santander.

Dessa forma, cada uma das empresas oferece taxas de juros diferentes. Na fintech, o juros é oferecido a partir de 2,5% ao mês. Já no banco, a taxa aplicada é de 2,09% 

Além de terem taxas de juro mais vantajosas do que os cartões de crédito tradicionais, o pagamento parcelado pelo PIX é uma modalidade muito prática de depósito.

Isso porque ele é feito de forma totalmente digital. Veja a seguir como é o procedimento adotado em cada um dos empreendimentos financeiros.

Como fazer o PIX parcelado

Mercado Pago

No Mercado Pago, os clientes podem parcelar o Pix em até 12 vezes, desde que ele já tenha uma linha de empréstimo pessoal aprovada no Mercado Pago. 

Dessa forma, a ferramenta está disponível para compras ou transferências a partir de R$ 15. O valor máximo varia de acordo com o limite de empréstimo pessoal aprovado pela empresa.

A modalidade vale para transferências feitas a partir do QR Code para qualquer instituição financeira. 

Assim, próximo das datas de pagamento, o aplicativo da empresa envia uma série de alertas lembrando o cliente do pagamento da parcela.

Ela pode ser paga por meio de boleto, dinheiro em conta e até mesmo transferência via Pix. 

Contudo, não é oferecida a  possibilidade de colocar a quitação do crédito contraído em débito automático.

A escolha pelo parcelamento pode ser feita no aplicativo do Mercado Pago. Basta escanear o QR Code do pagamento ou transação.

Depois, o cliente pode escolher a modalidade de contração de crédito usada para o pagamento, onde pode optar pelo formato de PIX.

Santander

Por sua vez, os clientes com conta neste banco podem optar pelo parcelamento de transferências Pix a partir de R$ 100. 

Assim como no Mercado Pago, o limite é definido pelas condições pré-aprovadas com base nas informações financeiras.

Dessa forma, o valor pode ser parcelado em até 24 vezes com juros a partir de 2,09% ao mês. 

Além disso, o cliente só começa a pagar as parcelas 59 dias a partir da data em que optou pela modalidade de pagamento. O valor será debitado automaticamente da conta corrente do usuário.

 O serviço pode ser utilizado por pessoas físicas, e os valores podem ser transferidos para contas de pessoas físicas e jurídicas.

Para optar pela modalidade de pagamento, o usuário deve acessar o aplicativo do Santander e selecionar o pagamento ou transferência que deseja efetuar. 

Dessa forma, o sistema do aplicativo vai mapear as oportunidades e apresentar a melhor delas ao cliente.

Além disso, o app também pode ser utilizado para alterar o prazo de pagamento das parcelas e ativar o seguro, em caso de não conseguir arcar com as prestações do Pix.

Ainda pela ferramenta do Santander, é possível acessar os comprovantes do Pix e do crédito parcelado.

Siga o Portal 6 no Instagram: @portal6noticias e fique por dentro de todas as novidades!

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade