Morador de rua foi espancado enquanto se preparava para dormir em feirão da região Leste de Anápolis

Vítima precisou ser levada ao HEANA. Suspeito, depois de ser localizado, confessou que queria matá-lo e revelou a motivação

Da Redação -
Vítima já se preparava para dormir quando sofreu as agressões. (Foto: Reprodução)

Um homem em situação de rua, de 36 anos, sofreu uma tentativa de homicídio na noite desta quarta-feira (13), no bairro de Lourdes, na região Leste de Anápolis.

Mesmo machucado, ele conseguiu correr até um estabelecimento comercial e informou que precisava de ajuda porque havia levado uma paulada na cabeça.

Acionada, a Polícia Militar esteve no local e encontrou o homem com vários ferimentos, sangrando e reclamando de muitas dores por todo o corpo.

A vítima relatou aos agentes que estava deitado, se preparando para dormir em um feirão, quando um morador do bairro teria aparecido com um pedaço de madeira e afirmado que iria matá-lo para “aprender a não mexer com a mulher dos outros”.

Quando o homem escapou, após ser atingido na cabeça, no rosto e nas costas, começou a reclamar que já teria perdido muito sangue e estaria com a visão escurecida.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU) foi chamado às pressas e encaminhou a vítima ao Hospital Estadual de Anápolis Dr. Henrique Santillo (HEANA).

Sabendo das características do suspeito, os militares conseguiram localizá-lo rapidamente. Ele confessou ter saído de casa com a intenção de matar o morador em situação de rua, que teria agredido o enteado dele, de apenas 13 anos, e constantemente estaria procurando briga com outros parentes.

Depois que vítima e suposto autor foram identificados, ficou constatado que ambos seriam antigos conhecidos da polícia e possuem passagens criminais.

O suspeito foi encaminhado à Central de Flagrantes e poderá responder por tentativa de homicídio. Já o homem agredido precisou ser mantido no hospital para receber acompanhamento médico.

A reportagem solicitou ao HEANA o quadro clínico do paciente, mas não obteve retorno até o momento desta publicação.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.