Viúva causa revolta depois de família do esposo descobrir o que ela pretende fazer após a morte: “não tinha direito”

Mulher está sendo acusada de ser egoísta, mas mesmo assim garantiu que não vai desistir de seguir com o plano

Gabriella Licia -
leito de uti
(Foto: Ilustrativa/Reprodução)

Uma jovem viúva causou bastante revolta na família do esposo falecido após a cunhada descobrir que ela havia retirado espermas do homem e congelado para uma possível inseminação.

A enlutada ficou tão assustada com a reação dos familiares que publicou, anonimamente, no Reddit, para ouvir as opiniões dos demais usuários e saber se realmente agiu errado.

Ela contou que a cunhada é enfermeira e solicitou o prontuário do irmão após o falecimento, apenas para verificar o que havia sido feito nele, depois do grave acidente de carro.

No entanto, ao identificar a retirada de espermas do homem, a irmã ficou completamente histérica, acusando a jovem de ser ‘egoísta’ e afirmando sobre ela ‘não ter o direito’ em tal decisão.

“Ela disse que eu não tinha o direito de fazer isso sem antes falar com a família dele e ainda disse que, apesar de a mãe deles ter nos implorado para termos filhos, engravidar dessa forma é ‘nojento’ e afirma que ele não teria concordado com isso”, contou a garota.

A iniciante da confunsão só não imaginou que casal já havia combinado sobre a ocasião. Ele estava completamente ciente da história e já havia até assinado a papelada.

“Estamos juntos há 10 anos e conversamos sobre isso. Ele concordou e elaboramos testamentos em que ele afirma que o procedimento poderia ser realizado especificamente se fosse solicitado por mim”.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade