Gracinha Caiado é a nova madrinha da Santa Casa de Anápolis

Desde 2019, a Administração Estadual já investiu R$ 22,5 milhões na unidade de saúde

Da Redação -
Gracinha é presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS). ( Foto: Hegon Corrêa/Divulgação)

A presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado, recebeu nesta quarta-feira (04), em Anápolis, uma homenagem da Administração Municipal pelo trabalho social realizado em Goiás.

Na ocasião, ao lado de autoridades e lideranças empresariais e religiosas, a primeira-dama ainda recebeu o título de madrinha da Santa Casa de Misericórdia de Anápolis. O hospital de fundação filantrópica, sem fins lucrativos, é uma das unidades de Saúde conveniadas ao estado.

“Desde 2019, a Administração Estadual investiu R$ 22,5 milhões na Santa Casa. Então, me enche de alegria receber essa homenagem e nos dá mais responsabilidade de seguir lutando por Goiás”, afirmou.

Durante o encontro, ao agradecer a homenagem oferecida pelo prefeito Roberto Naves (PP) e pela primeira-dama Vivian Naves, Gracinha também fez questão de destacar o protagonismo anapolino na economia goiana e revelou o carinho do governador Ronaldo Caiado pela cidade.

“Eu sou baiana, mas Anápolis é a terra natal do governador e lá se vão 30 anos juntos. Temos um carinho e uma responsabilidade especial por essa cidade. Inclusive, já morei aqui por quase um ano e guardo memórias muito especiais”, destacou Gracinha.

“O governador foi eleito para mudar a realidade de Goiás, para devolver Goiás aos goianos e é isso que ele está fazendo. E, podem ter certeza, Anápolis sempre está em suas prioridades”, completou.

O prefeito Roberto Naves também discursou e agradeceu o empenho da administração estadual em apoiar as prefeituras, independentemente de política ou cor partidária.

“Não apoiei o governador nas eleições de 2018, mas, desde o primeiro dia, ele esteve ao nosso lado, sempre presente quando Anápolis precisou. Eu e o governador, assim como a primeira-dama Gracinha, fazemos política com alegria e de forma leve, com um único objetivo, que é continuar cuidando de Goiás e dos goianos”, afirmou.

No mesmo tom, a primeira-dama de Anápolis e coordenadora do programa Voluntários de Coração, da administração municipal, Vivian Naves, reforçou a parceria com o Estado, em especial, na área social.

“É um prazer estar sob a liderança de uma pessoa tão especial e uma primeira-dama tão atuante como Gracinha, que faz com que os benefícios cheguem a quem mais precisa em todo o Estado”, disse.

Ao lado da diretora-geral da OVG, Adryanna Caiado, e do secretário de Estado de Indústria e Comércio, Joel Sant’Anna, Gracinha ainda fez um breve balanço sobre as entregas e investimentos em Anápolis nos três anos e quatro meses da atual gestão.

Apenas na área social, a OVG já investiu mais de R$ 22 milhões na cidade, incluindo a entrega de mais de 8 mil donativos, entre cadeiras de rodas, fraldas descartáveis e cobertores.

O Programa Universitário do Bem (ProBem) já contemplou mais de mil estudantes anapolinos com bolsa de estudos para cursos de graduação, enquanto as duas unidades do Restaurante do Bem da cidade já serviram mais de 1,8 milhão de refeições.

Já a Campanha de Combate à Propagação do Coronavírus, em suas quatro etapas, destinou quase 30 mil cestas básicas para o município, com investimento de R$ 2,2 milhões.

Ainda na área social, o programa Mães de Goiás da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Seds) garante a quase mil mães de Anápolis renda extra mensal de R$ 250, um investimento de R$ 2,8 milhões por ano. A Seds ainda presta apoio e assistência a 35 entidades sociais do município.

“Sabemos que existe muito trabalho a ser feito, mas diante de tudo isso que citei aqui hoje, posso dizer que estamos avançando e muito. Aqui em Anápolis tínhamos centenas de obras que eram inauguradas apenas com placa, mas sem funcionar. Mas nós temos um jeito diferente”, exemplificou.

“O governador Ronaldo Caiado só inaugura obra em funcionamento e com dinheiro em caixa. Isso se chama responsabilidade com o dinheiro público. É assim que estamos devolvendo Goiás aos goianos e cuidando de cada goiano em cada região do Estado”, arrematou Gracinha.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.