Jovens têm casa invadida e são executados a tiros com as mãos na cabeça

SAMU chegou a ser acionado, mas as vítimas já estavam mortas quando o socorro chegou

Da Redação -
Jovens foram brutalmente executados. (Foto: Reprodução)

Dois jovens, sendo um de 19 anos e outro de 27 anos, foram brutalmente executados na noite desta quarta-feira (18), dentro de uma casa em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do Distrito Federal.

Portal 6 apurou que dois homens entraram onde os rapazes estavam para cobrar a localização de drogas que haviam sido escondidas pela dupla. Nesse momento, deram o comando para que eles deitassem com as mãos na cabeça.

Foi aí que um dos jovens suplicou pela vida e pediu para que os suspeitos não o matasse. O pedido, porém, não foi atendido e as vítimas foram alvejadas por disparos.

Uma testemunha também estava presente e recebeu ordens dos supostos assassinos para ficar quieta e calada até que eles deixassem o local do crime.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou a ser acionado, mas pôde apenas constatar o óbito dos jovens.

Em depoimento para a Polícia Militar (PM), a adolescente, de 15 anos, que presenciou o assassinato, contou que as vítimas tinham envolvimento com o tráfico de drogas e com uma facção criminosa. Ela relatou ainda que a residência onde tudo aconteceu era, na verdade, um ponto de tráfico.

A garota revelou aos policiais o esconderijo das drogas que os suspeitos buscavam com as vítimas. Lá, os militares encontraram uma caixa acoplada no vaso sanitário, com cerca de 250 gramas de maconha no interior, sendo 20 porções já prontas para serem vendidas e 29 pedras semelhante a crack.

O caso será agora investigado pelo Grupo de Investigação de Homicídios (GIH).

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.