Vem e Faz se despede da região do Bairro de Lourdes com grande festa e muitos serviços realizados

Em 30 dias, houve troca de lâmpadas, pintura de sinalização e meio fio, aplicação de asfalto, limpeza e roçagem de lotes, recolhimento de lixo e manutenção de praças

Da Redação -
Local recebeu as principais ações e serviços da Administração Municipal. (Foto: Divulgação)

Milhares de pessoas participaram neste sábado (28) do encerramento do Vem e Faz na praça do Bairro de Lourdes, ao lado do Feirão Coberto. A região foi a segunda a receber o projeto da Prefeitura de Anápolis lançado em abril. Antes da grande festa de hoje, as principais ações e serviços da Administração Municipal, de todas as secretarias, aconteceram nos 28 bairros durante todo o mês de maio.

Durante os 30 dias que o Vem e Faz esteve na região do Bairro de Lourdes, foi realizada a troca de 1.590 lâmpadas comuns para as de LED; a pintura de dois mil metros quadrados de sinalização horizontal; aplicação de 730 toneladas de massa asfáltica; limpeza e roçagem de 227 lotes; recolhimento de 270 toneladas de entulho; além da pintura de 26 quilômetros de meio-fio e a manutenção de nove praças.

“Estamos encerrando mais uma edição do Vem e Faz. Com muito trabalho e muita alegria, vários serviços foram ofertados para toda a população. Muito obrigado a todos que participaram e um agradecimento também muito especial a todos os servidores da Prefeitura que tornaram possível esse evento”, agradeceu o prefeito Roberto Naves (PP). Ao lado da primeira-dama, Vivian Naves, ele anunciou que o próximo Vem e Faz será na região do Industrial Munir Calixto.

O stand da saúde estava lotado de pessoas que aproveitaram o Dia D de vacinação no município para tomar as vacinas de influenza e Covid, além de crianças levadas pelos responsáveis para completar a caderneta vacinal. Esse foi o caso de Juliana Silva, de 2 anos, e Alana Silva, de 4 anos, que tomaram a dose da tríplice viral e a da gripe. “Quero proteger minhas filhas dessas doenças que estão voltando em nosso país e ter a facilidade de ter esse serviço aqui me economizou muito tempo”, comentou Deiny Fernandes Silva, de 31 anos, mãe das meninas.

A unidade do Castramóvel estava à disposição das famílias de baixa renda para fazer a castração de gatos e cachorros. A psicóloga Danielle Souza, de 26 anos, não perdeu a oportunidade de levar o seu cachorrinho Billy para realizar o procedimento. “Este tipo de ação é muito importante por causa da alta taxa de abandono. Estou aqui porque também tenho uma cadela e não quero que eles cruzem, porque não tenho condições de cuidar de mais filhotes”, disse.

Milhares de pessoas participaram do encerramento do Vem e Faz na praça do Bairro de Lourdes, ao lado do Feirão Coberto. (Foto: Divulgação)

O simulador de capotamento foi um dos mais concorridos. Luciana da Silva Trindade, de 42 anos, foi três vezes e enfatizou a angústia que sentiu. “A gente prova a experiência de como é um acidente de carro e como o cinto de segurança é imprescindível”, comentou a moradora.

A procura por emprego também foi grande. Uma jovem, de 20 anos, disse que apesar de trabalhar em uma brinquedoteca, ela busca novas oportunidades. “Tenho dois filhos para criar e tenho que ter uma segurança. Aqui, com a ajuda do programa Emprega Anápolis, já consegui uma entrevista na segunda-feira para o cargo de auxiliar de limpeza”, comentou a jovem, que também salientou o fato de que “mesmo tendo experiência, é muito difícil encontrar um trabalho, apesar de muitos dizerem que é fácil”.

A Agência Reguladora Municipal (ARM) marcou presença pela primeira vez no evento do Vem e Faz. Além de divulgar os serviços de fiscalização sobre o trabalho da Saneago e da Urban para saber se estão agindo de acordo com as necessidades da população, a Agência estava fazendo a recarga de bilhetes no cartão do usuário de ônibus. “Estamos ainda colhendo as reclamações das pessoas sobre as duas empresas que são de nossa responsabilidade para que possamos atendê-las da melhor forma possível“, disse a diretora administrativa financeira, Nathália Naoum.

Além de muitos brinquedos para entreter as centenas de crianças e de apresentações culturais, foram servidas mais de cinco mil refeições para quem marcou presença no evento. O Vem e Faz contou com a ajuda de parceiros, como a UniEVANGÉLICA, a Uniplan, a Faculdade Anhanguera, a MRV, o Instituto Embelleze, além de reunir ações de todas as secretarias que fazem parte da administração.

Na área da saúde, a intensificação de serviços nas unidades da região e o trabalho da odontologia móvel para estudantes da rede resultaram ainda em centenas de atendimentos. Também houve serviço prestado pelas demais pastas, como Educação e Indústria, Comércio, Trabalho, Emprego e Renda.

Próximo Vem e Faz será na região do Industrial Munir Calixto. (Foto: Divulgação)

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.