Criminosos do Chile e Argentina passam por Anápolis e furtam mais de 30 celulares

Abordados pela PM, eles disseram que estavam indo viajar, mas versão logo foi contestada

Pedro Hara -
Grupo estava com diversos aparelhos celulares. (Foto: Divulgação/PM)

Um grupo de três homens, sendo dois chilenos e um argentino, foi preso neste domingo (10), após furtar diversos celulares em uma loja localizada na Rua General Joaquim Inácio, no Centro de Anápolis.

O Portal 6 apurou que a Polícia Militar (PM) realizou a abordagem após flagrar os indivíduos correndo segurando uma mochila e com diversos aparelhos celulares nas mãos.

À PM, eles disseram que estavam vindo de Uberaba (MG) e que iam em direção à rodoviária para pegar um ônibus com destino a Brasília.

Chamou a atenção da corporação o fato do grupo estar correndo em direção contrária ao terminal.

Quando questionados sobre as notas fiscais, o relato foi de que os aparelhos eram provenientes do Paraguai e por isso não estavam com os registros de compra.

Neste momento, uma mulher, de 26 anos, chegou até os militares e se identificou como supervisora de uma loja e que havia sido furtada pelos três indivíduos.

Eles confessaram o crime e contaram como agiram para realizar o furto. Com o grupo foram apreendidos 32 celulares e um tablet. O quase prejuízo foi de cerca de R$ 47.499,00.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade