Com três acidentes a cada 05 dias, BR-414 deve ganhar novos radares em Anápolis

Em três meses, concessionária da rodovia registrou 61 acidentes e desenvolveu plano para reduzir ocorrências

Aglys Nadielle -
BR-414 na altura do Jardim Promissão, em Anápolis. (Foto: Captura/Google Street View)

A BR-414 deve ganhar novos radares no trecho que corta Anápolis. A Ecovias do Araguaia, concessionária responsável pela rodovia, prevê implantar os equipamentos dentro de um plano de redução de acidentes.

O trecho é um dos mais perigosos. A 414, no período entre 08 de abril e 08 de julho, registrou 61 acidentes, alguns deles fatais. A média é de três a cada 05 dias.

“A gente tem um programa de estudo de redução de acidentes, esses estudos estão em andamento para a gente investigar problemas de ocorrências na BR-414. A gente já tem uma previsão de dois radares no Jardim Promissão”, disse a coordenadora de conservação da Ecovias, Cristiana Magalhães.

Cristiana explica ainda que o objetivo da implantação dos redutores de velocidade é melhorar a trafegabilidade do local e, consequentemente, ter menos acidentes.

A concessionária também está realizando uma roçagem no mesmo trecho. “Essa roçagem reduz os riscos de queimada e aumenta também a visibilidade da rodovia”, ressalta.

De acordo com a coordenadora, todas as medidas de fiscalização e manutenção da estrada devem ter impacto na diminuição do número de acidentes dentro de um ano.

“A implantação dos radares foi iniciada também em outros trechos das rodovias BR-414 e 153, na região de Anápolis, Corumbá e Cocalzinho de Goiás”, relatou a empresa.

Duplicação ainda está distante

A duplicação da BR-414, na altura do Jardim Promissão está prevista para ser finalizada em 24 anos. É o que está previsto no contrato assinado pela Ecovias do Araguaia com o Governo Federal em outubro do ano passado.

No documento, a previsão é de que, apenas no 24º ano de parceria, 30 quilômetros da BR-414, incluindo o perímetro urbano de Anápolis, seriam duplicados.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.