“Aceitei a responsabilidade de dar prosseguimento ao legado de Maguito e Gustavo”, diz Leandro Vilela

Ex-deputado federal, ele se tornou pré-candidato a convite de Ronaldo Caiado e Daniel Vilela

Pedro Hara Pedro Hara -
Leandro Vilela, pré-candidato à Prefeitura de Aparecida de Goiânia. (Foto: Júnior Vilela)

Após 09 anos, Leandro Vilela (MDB) está de volta à uma disputa eleitoral. Eleito deputado federal em três oportunidades, ele retorna aos holofotes para “dar prosseguimento ao legado de Maguito Vilela e Gustavo Mendanha”.

Ao ‘6 perguntas para’ desta semana, o sobrinho do ex-prefeito Maguito Vilela (1949 – 2021) afirma que o convite partiu do governador Ronaldo Caiado (UB) e do vice Daniel Vilela (MDB).

Durante a entrevista, o espólio de Maguito e Mendanha é citado inúmeras vezes por Leandro. Ele destaca os avanços conquistados a partir do início da gestão de Maguito, a partir de 2009, e a continuidade promovida por Mendanha.

Sobre Vilmar Mariano, ele diz que mantém uma relação respeitosa e amigável com o atual prefeito, mantendo diálogo para que ele esteja apoiando o projeto da pré-candidatura.

Já sobre Mendanha, o ex-deputado federal rasgou elogios ao aliado, dizendo que será coordenador-geral da campanha, mas evita anunciar um cargo num eventual governo, pois prefere aguardar o resultado das urnas.

6 perguntas para Leandro Vilela

1. Você voltou à vida pública após anos de hiato. O que motivou o seu retorno, além do convite do governador Ronaldo Caiado?

Eu recebi um convite do governador Ronaldo Caiado e do vice-governador Daniel Vilela para assumir a pré-candidatura a prefeito e não deixar que o legado do Maguito e do Gustavo Mendanha em Aparecida se perdesse. A preocupação deles é legítima. Hoje, claramente, nós temos do outro lado um grupo dos políticos antigos da cidade. Das velhas práticas e visão ultrapassada. Eles tiveram, por mais de 20 anos, a oportunidade de governar a cidade e nesse período Aparecida ficou parada no tempo. Era uma cidade dormitório de Goiânia, não tinha importância no contexto estadual. De 2009 para cá, com as gestões de Maguito e do Gustavo, a cidade se transformou. Eu participei ativamente desse processo quando Maguito era prefeito e sei o quanto a cidade avançou. Foi algo que chamou a atenção do país. Então eu costumo dizer que não aceitei só um convite, mas aceitei, principalmente, a responsabilidade de dar prosseguimento a esse legado e ao ciclo de desenvolvimento da nossa cidade. Aparecida não pode perder sua vocação de líder no estado e no Brasil.

2. Atualmente, como está a sua relação com o prefeito Vilmar Mariano?

Minha relação com o prefeito Vilmar é extremamente respeitosa e amigável. O conheço há muitos anos e tenho enorme carinho por ele. Infelizmente, algumas circunstâncias políticas e de gestão fizeram com que ele não conseguisse construir uma candidatura competitiva. Mas tenho conversado com o Vilmar e espero que ele esteja ao nosso lado apoiando esse projeto de desenvolvimento de Aparecida, do qual ele faz parte.

3. Como o legado de Maguito Vilela impacta na sua pré-candidatura?

O legado do Maguito impacta fortemente. É para dar sequência ao legado do Maguito que nós entramos nessa pré-campanha. Aparecida se tornou nos últimos anos uma cidade empreendedora e que lidera Goiás. É líder na geração de empregos, na abertura de novas empresas. Se tornou também uma cidade referência em mão de obra qualificada, com grandes profissionais; é líder em tecnologia, em indústrias de ponta e também na inovação. É exemplo na saúde, com o melhor hospital municipal do Brasil, e na infraestrutura. Como deputado federal de Aparecida durante seis anos da gestão Maguito, levando recursos para a cidade, eu tenho uma responsabilidade muito grande com o município e na preservação dessas conquistas para os aparecidenses.

4. Caso seja eleito prefeito, o que faria no seu primeiro dia de mandato?

Mais do que no primeiro dia do mandato, mas em todo mandato, temos que estar focados em levar adiante esse ciclo de desenvolvimento, não permitir nenhum retrocesso. A partir dos primeiros dias vamos adotar uma postura ousada na atração de novos investimentos e apoio aos investimentos que estão sendo realizados. Não podemos deixar cair nem por um minuto o nível dos serviços prestados pela prefeitura. Vamos trabalhar também para ampliar as parcerias, principalmente com o governador Ronaldo Caiado, que já se comprometeu comigo nesse sentido. Queremos uma Aparecida com 100% de esgoto, com 100% de água tratada, com 100% de asfalto nas ruas habitadas. Temos em mente que as mudanças efetuadas por Maguito e Gustavo não são a meta a ser alcançada pelo nosso projeto de gestão, mas o ponto de partida. Nosso propósito é elevar a qualidade de vida das pessoas que vivem em Aparecida.

5. Você está sempre acompanhado do ex-prefeito Gustavo Mendanha. Qual função ele ocuparia em seu possível governo?

O Gustavo tem uma importância ímpar nesse projeto. Será o coordenador-geral da nossa campanha e conhece como ninguém a cidade. Fez uma grande gestão e certamente estará ao nosso lado em todos os momentos. Sobre ele ocupar função no governo, eu não me atrevo a passar o carro na frente dos bois. Primeiro tem uma disputa eleitoral e é preciso respeitar a decisão do eleitor, que ainda vai avaliar as propostas, observar o grupo político e a vida pregressa dos candidatos para então definir o voto.

6. Qual o problema de Aparecida mais te preocupa?

O que mais me preocupa em Aparecida hoje nem é um problema específico, como era no passado, quando a cidade não tinha empregos, tinha uma infraestrutura precária, as poucas unidades de saúde que existiam eram insalubres e a violência assustava. O que me preocupa hoje é não permitir que Aparecida perca sua posição de cidade líder. Aparecida hoje gera empregos, oferece qualidade de vida e dá exemplo na saúde e na prestação de serviços. Então minha preocupação é trabalhar forte, junto com a Câmara Municipal, com o governador Caiado e com a população de Aparecida para que tenhamos um novo salto de desenvolvimento. Eu digo e repito: no dia 6 de outubro a população vai escolher entre a opção de fazer Aparecida seguir avançando, em ritmo acelerado, ou voltar a um passado de estagnação. Essa é a mensagem que vamos levar ao eleitor.

LEIA MAIS

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.