Mulher é levada em estado grave para o HUANA após levar tiro de ex-companheiro

Pai ainda tentou evitar que a filha se machucasse, mas situação se agravou e o pior também acabou acontecendo com ele

Da Redação -
Hospital Estadual de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo. (Foto: Reprodução)

Um idoso de 74 anos foi assassinado a tiros no último sábado (15) após tentar evitar que a filha fosse alvejada pelo ex-companheiro, em Jaraguá.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito, que não teve a identidade revelada, ligou para a mulher dizendo que iria até a casa dela para conversar. No local acontecia uma festa, onde estavam presentes ela, o pai e o atual namorado.

Assim que o homem chegou na residência, começou imediatamente a bater e xingar a mulher. Vendo o desentendimento, o pai decidiu ir até lá e entrou na frente da filha no exato momento em que o ex fez vários disparos.

Ele morreu na hora, mas a filha também acabou sendo atingida. Inicialmente, a vítima foi levada para um hospital do município, mas devido a gravidade do caso, precisou ser trazida pra Hospital Estadual de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (HUANA).

Ainda segundo a Polícia Civil, o namorado da mulher foi até a calçada ver o que estava acontecendo e também chegou a ser ameaçado pelo autor do crime, mas fechou o portão rapidamente e conseguiu escapar.

O suspeito ainda não foi detido.

A reportagem do Portal 6 está em contato com o HUANA para saber sobre o atual quadro clínico da vítima.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.